Porta-vozes da burguesia
Essa decisão do editorial da Rede Globo reflete os interesses dos capitalistas e defende a decisão tomada pela burguesia em flexibilizar ainda mais a quarentena
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
jornal_nacional
Jornalistas do Jornal Nacional da Rede Globo | Foto: Reprodução

Em coluna publicada nesta terça-feira, 4, no sítio uol, Maurício Stycer destaca o compromisso da imprensa golpista com a burguesia e revela que o maior telejornal da imprensa golpista, o Jornal Nacional – conhecido como Jornal Nazional, dedicou apenas 10 minutos de um total de 56 minutos de duração a notícias relacionadas à pandemia, nos últimos 7 dias.

Ainda segundo Stycer, “a cobertura da pandemia no JN veio perdendo impulso ao longo da semana passada, mas ainda ocupava um espaço significativo. O número de chamadas na abertura diminuiu para duas ou três por dia e o tempo total dedicado ao assunto também caiu”.

Essa decisão do editorial da Rede Globo reflete os interesses dos capitalistas e defende a decisão tomada pela burguesia em flexibilizar ainda mais a quarentena e retomar as atividades, abrindo comércio, voltando às aulas e jogando o povo a própria sorte. Longe de representar as demandas populares e servir como um instrumento jornalístico minimamente democrático, a manobra dos porta-vozes da burguesia vem logo em seguida à farsa do “fique em casa” – defendido pelo próprio monopólio da comunicação – onde, de fato, não houve qualquer medida por parte dos governos para controlar e combater a pandemia, nem tampouco alguma cobrança concreta por parte da imprensa golpista.

Através dessa linha editorial, a burguesia utiliza seus meios de comunicação para exortar a população ao caos, garantindo o lucro dos capitalistas às custas de milhares de vidas. Enquanto os casos de covid-19 voltam a crescer e os casos de óbito sobem vertiginosamente, os capitalistas articulam medidas para aprofundar o golpe e garantir a farra dos banqueiros e da burguesia de conjunto. A coluna de Stycer nada tem de novidade – esse é o modo como a burguesia tem conduzido a questão da pandemia.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas