Censura
Sob o pretexto das “fake news”, censura será aplicada mesmo sem decisão final da Suprema Corte.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
LOS ANGELES, CA - SEPTEMBER 04: Los Angeles headquarters of You Tube on September 04, 2017 in Los Angeles, California.  (Photo by FG/Bauer-Griffin/GC Images)
Sede do Youtube em San Bruno, Califórnia, EUA | Foto: FG/Bauer-Griffin/GC Images

Nesta quarta-feira (09) o Youtube afirmou que irá excluir todos os vídeos que mencionam fraudes nas últimas eleições para presidente nos Estados Unidos.

“Vamos começar a remover qualquer conteúdo enviado hoje (ou a qualquer momento depois) que engane as pessoas, alegando que fraudes ou erros generalizados mudaram o resultado da eleição presidencial de 2020 nos EUA” , disse a plataforma de vídeo.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas