Menu da Rede

Moraes legitima roubo bilionário da Petrobrás

Pela Revolução Socialista

Venha lutar com o PCO

É preciso construir e fortalecer o Partido revolucionária na luta pelo governo operário e o comunismo

PCO tem se destacado como vanguarda dos atos pelo Fora Bolsonaro – Foto: DCO

Os grandes atos desse sábado (19) expressaram, novamente, a disposição dos trabalhadores, da juventude, dos ativistas e militantes de base de lutar de forma combativa nas ruas contra todo o regime de opressão que o povo brasileiro sofre.

A luta por auxílio emergencial de verdade, vacinação para todos, emprego etc, que só poderão ser alcançados com a derrubada do governo Bolsonaro e de todo o regime golpista, tem como principal agente das massas populares.

Isso foi manifestado ontem, em um movimento crescente de indignação popular, já visto também nos atos de 1° de Maio na Praça da Sé e de 29 de maio em todo o País.

Entretanto, é visível – e os atos de ontem fortaleceram essa percepção – que há um gigantesco descompasso entre as aspirações das massas e as direções da esquerda.

Em alguns lugares, como Florianópolis, a esquerda simplesmente boicotou os atos, cancelando sob os mais farsescos pretextos, como a chuva ou o frio. Em outros locais, setores da burocracia dos partidos e movimentos tentaram conter o ímpeto dos atos de outras maneiras, como por meio da censura ou da descaracterização do movimento, como foi demonstrado pelo uso fora do comum por parte de alguns setores das cores verde e amarela – que são, como é bem sabido, as cores utilizadas pela direita coxinha e pelos bolsonaristas.

As bases da esquerda, no entanto, apresentaram novamente uma outra tendência, inversa. Uma tendência à radicalização da luta e mesmo de ultrapassagem da política das direções, indo nos atos mesmo contra a orientação daquelas, participando com bandeiras vermelhas e palavras de ordem combativas e unindo-se ao Bloco Vermelho organizado pelo PCO e pelos Comitês de Luta em muitas cidades.

Essa aderência ao setor mais combativo do ato é uma manifestação clara do sentimento das bases operárias, estudantis e populares. Um sentimento de que apenas uma luta radical pode derrotar Bolsonaro e o golpe, pode criar um movimento de enfrentamento real contra todo o regime político inimigo da população.

Foi enorme, assim como já havia sido nos atos do dia 29, a procura dos manifestantes pelos materiais produzidos e distribuídos pelos militantes do PCO, como panfletos, cartazes, adesivos, jornais. Ou mesmo para segurar as bandeiras do Partido, as faixas, ou tocar na Bateria Zumbi dos Palmares, que centralizou os próprios atos em muitos lugares, com a empolgação revolucionária da Aliança da Juventude Revolucionária.

Os trabalhadores, a juventude e os ativistas apresentam a clara tendência à mobilização e à radicalização. Essa tendência, infelizmente, não está sendo acompanhada neste momento pelas direções da esquerda.

Mas a mobilização não pode parar. Pelo contrário, deve prosseguir e se expandir. Para isso, é necessário fortalecer a vanguarda da esquerda em um momento de polarização política na luta contra o bolsonarismo e o golpe.

Em outras palavras, é da mais fundamental importância fortalecer o Partido revolucionário, aquele que abriga e organiza todo um setor radicalizado da população que quer levar a luta até as últimas consequências.

O PCO realiza hoje (20) uma plenária nacional de balanço dos atos de ontem. Um dos principais objetivos da plenária é trazer para a luta revolucionária, para as fileiras da Revolução, justamente esses setores que querem lutar de forma organizada contra a direita, a burguesia e o imperialismo.

Participe da plenária do PCO. Ela ocorrerá presencialmente em várias cidades. Em São Paulo, o evento será na Rua Jacapé, 98, na Zona Sul da cidade. Será também transmitida ao vivo na Causa Operária TV para que todos possam assistir.

Venha lutar com o PCO. Fortaleça a luta revolucionária. Ajude a aumentar as fileiras da Revolução e do Socialismo.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores
O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Cultura

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.