Trump ameaçou novo golpe
Presidente norte-americano afirmou que vai “esmagar” o governo legítimo e popular de Nicolás Maduro
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
29496131773_980be5d05e_k
Trump novamente atacou a soberania da Venezuela. Foto: Gage Skidmore |

Da redação – O governo da Venezuela denunciou as novas agressões políticas feitas pelo imperialismo norte-americano contra a nação caribenha. “Fazendo uso de um discurso cheio de mentiras, chauvinismo e declarações supremacistas, Trump ofende e desrespeita o povo venezuelano, ao proferir violentas ameaças contra sua integridade e contra o Governo constitucional, legítimo e democrático do presidente Nicolás Maduro”, diz o comunicado do Ministério de Relações Exteriores.

A denúncia refere-se ao discurso do Estado e da União proferido pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, nesta quarta-feira. O líder de extrema-direita chamou o seu pau-mandado Juan Guaidó de “verdadeiro e legítimo presidente da Venezuela” e afirmou que vai “esmagar a tirania de Maduro”.

A Venezuela tachou as declarações de Trump como “expressões ingerencistas e grosseiras intromissões” pelas quais ele “reiterou seu desprezo pela paz, pelo direito internacional, pela vida, e em particular contra a soberania da Venezuela”.

Trata-se realmente de uma intervenção criminosa nos assuntos internos de um país soberano, algo costumaz do imperialismo mas que, se fosse executado por uma outra nação contra os EUA, certamente seria condenado por Washington e, possivelmente, respondido com sanções econômicas e pressões políticas, acompanhadas de uma potente propaganda da imprensa internacional.

O imperialismo não cessou seus ataques contra a Venezuela e não vai parar enquanto não derrubar pela força o governo legítimo de Maduro e o regime chavista, eleito e apoiado pelas massas populares. Para combater esses constantes ataques, é vital que o governo acabe com as conspirações internas dos agentes imperialistas, como é o caso de Guaidó e sua claque. É preciso prender os golpistas, que são uma quinta coluna extremamente nociva para o povo venezuelano, responsável por diversos ataques, sabotagens e boicotes.

Fora imperialismo da Venezuela e da América Latina! Prisão para Juan Guaidó!

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas