Veja como foi em Curitiba o curso “Fascismo: o que é, e como combatê-lo”

Curso regional do fascismo - Curitiba 03.jpeg

Nos últimos dias 4 e 5 de maio ocorreu em Curitiba o curso “Fascismo: o que é, e como combatê-lo”. O curso, que é uma extensão da 43ª Universidade de Férias, contou com a participação de militantes e simpatizantes do PCO (Partido da Causa Operária) e é parte da iniciativa do partido de realizar a atividade em mais de 100 cidades no País e no exterior.

O curso em Curitiba tem um aspecto peculiar sobre o tema: é a capital em que os golpistas mantêm Lula preso político há quase 400 dias e também o berço do braço jurídico do golpe: a operação Lava Jato. Também marca o início das palestras pelo Paraná, que ocorrerão em Londrina, Paranaguá, Pitanga, Paranavaí e Irati.

Tanto o governo Bolsonaro como as marionetes imperialistas da Lava Jato são fascistas, como suas posturas já foram vistas diversas vezes. O intuito do curso, portanto, é estudar como e onde surgiu o fascismo, como e onde chegou ao poder, qual sua base social e como derrotá-lo.