Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

Hoje vai ao ar mais uma edição do programa Uzwela – conversa sobre cultura com a apresentação de João Silva e Henrique Áreas. De volta de um breve recesso de carnaval, o programa recebe a atriz, Anette Naiman para uma conversa sobre o Teatro Garagem.

Ao fazer uma pequena reforma em sua casa para que os filhos tivessem um lugar para brincar o assim chamado Lugar da bagunça, Anette Naiman teve um Insigth ao ver ali um pequeno palco. Dali para a ideia inovadora de fazer da sua casa um pequeno teatro foi um pulo. Sempre fazendo peças curtas, baseadas em pequenos contos, Anette Naiman mostrou que iniciativa é fundamental para se levar o devir artístico adiante, e não depender da boa vontade da burguesia para financiar os seus trabalhos.

Algo parecido fazia Plínio Marcos, um dos maiores escritores de teatro da história da arte no Brasil, foi um militante extremamente combativo, incansável que enfrentou a repressão da ditadura militar nos anos 70. Vendo as portas se fechando devido à censura e à repressão, Plinio Marcos chegou a ganhar a vida vendendo os seus próprios livros nas ruas.

A arte tanto de Anette Naiman e Plínio Marcos tem muito em comum. Enquanto o cultuado escritor de teatro desafiava abertamente o sistema, Anette Naiman faz o mesmo, movida pela necessidade de se construir um espaço no qual possaUzwela, uma conversa sobre a obra de Plinio Marcos no Teatro garagem. 1 realizar os seus projetos. Coincidência ou não, Anette Naiman encena a peça “Navalha na Carne” de autoria de Plínio Marcos. E é para conversar sobre o projeto, a relação com a obra de Plínio Marcos que Anette vem para uma conversa sobre cultura no programa Uzwela. Afinal, uma arte que toma para si as rédeas de sua própria realização, é em essência uma arte revolucionária.

Se inscreva em nosso canal da Causa operária TV no Youtube a COTV e seja um dos já mais de 18 mil inscritos que estão fortalecendo a luta por uma TV que fique 24 horas no ar e combata o monopólio da imprensa capitalista, imperialista e golpista que há décadas domina os meios de comunicação no Brasil.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Relacionadas