Ex assessor dos bolsonaros
O ex “faz tudo” da família Bolsonaro, ligado ao “Escritório do Crime” do RJ, pode acabar de vez com o governo golpista se abrir a boca e falar da podridão que tomou o Congresso
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
queiroz
Queiroz ao ser preso, dia 18 de junho | Foto: BDBR

O Ministério Público Federal (MPF) esta ouvindo desde às 15 horas desta quinta-feira (2), Fabrício Queirozex assessor de Flávio Bolsonaro, no Complexo Penitenciário de Bangu, na Zona Oeste do Rio.

Os procuradores pretender ouvir detalhes do suposto vazamento da Operação Furna da Onça para beneficiar Jair Bolsonaro nas eleições de 2018, lembrando que, o vazamento foi denunciado pelo empresário Paulo Marinho, que apoiou Jair Bolsonaro durante a campanha eleitoral para a Presidência da República.

Queiroz também é investigado por esquemas de corrupção dentro do parlamento, no escritório de Flávio Bolsonaro, onde comandava a tal “rachadinha”. E, indo além, tem ligações intimas com o “Escritório do Crime”, no Rio de Janeiro, onde a família Bolsonaro empregava em seus gabinetes os assassinos de aluguel ligados à polícia.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas