É assim que se faz
MST da Bahia realiza uma série de fechamento de rodovias em resposta ao despejo violento realizado no perímetro irrigado no Norte da Bahia
2 Shares
depejos extremo sul
Protestos realizados na BR-101 em Itamaraju. Imagem: Voz do Movimento. |

O Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra (MST) do Estado da Bahia está realizando nesse momento diversos trancamento de rodovias em protesto contra a ofensiva da direita fascista contra a reforma agrária.

Os fechamentos de rodovias são uma resposta ao despejo violento realizado de maneira conjunta pela Polícia Federal, Polícia Militar e grupo de pistoleiros aos Acampamentos Abril Vermelho, Irmã Dorathy e Iranir de Souza, no Norte da Bahia, próximos a cidade de Juazeiro. Os despejos foram com muita repressão e jogou na rua mais de 700 famílias que perderam tudo e que viviam no local desde 2007.

A extrema direita avança contra os trabalhadores do campo com métodos cada vez mais violentos, querem aplicar a GLO para desocupações de terras e federalizar as reintegrações de posse.

Esse é o método para derrotar o governo Bolsonaro e dar um fim na ofensiva da extrema direita no Brasil. Colocar o povo na rua para enfrentar a direita e derrotar a direita fascista e golpista que quer implantar uma ditadura contra os trabalhadores no Brasil.

 

Veja Imagens dos trancamentos de rodovias:

 

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé e atividades ao ar livre A imagem pode conter: fogo e atividades ao ar livre

Protestos realizados na BR101, sentido a Itamaraju, Extremo Sul da Bahia.

 

A imagem pode conter: 1 pessoa, fruta e comida A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé, nuvem, céu e atividades ao ar livre

Protestos realizados a BR234 em Canudos (BA)

Protestos realizados na BR-101, município de Eunápolis.

 

Relacionadas