Intimidação fascista
Os militantes do PCO expulsaram os capangas que se utilizam de métodos fascistas para intimidar a esquerda que não quer ficar à reboque da direita
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
28395638283_663227e29a_k-e1474397969290 (1)
Henrique Áreas de Araújo, dirigente do PCO | Foto: DCO

Reportagem atualizada às 00:24 de 01/07/2020

Na noite desta terça-feira (30), quatro capangas do político psolista Guilherme Boulos atacaram o Centro Cultural Benjamin Perét (CCBP), no bairro da Saúde, em São Paulo, e começaram a ameaçar o companheiro Henrique Áreas de Araújo, da Executiva Nacional do Partido da Causa Operária (PCO).

Os capangas de Boulos são liderados por Danilo Pássaro, quem vem ameaçando o PCO caso o Partido leve suas bandeiras vermelhas nos atos pelo Fora Bolsonaro. Essa política é bem articulada com a estratégia de Guilherme Boulos de esvaziar os atos a fim de tomá-los para si e para a frente ampla, com a utilização das cores dos coxinhas, o verde e o amarelo.

Pouco depois do ataque fascista (não é um exagero, trata-se de um método literalmente fascista!), uma dezena de militantes do PCO chegou para impedir que a intimidação se transformasse em agressões físicas. Após os militantes do PCO mostrarem que não se intimidam, sempre procurando resolver pelo convencimento em primeiro lugar, o bando de capangas resolveu ir embora. Esses momentos foram filmados e transmitidos ao vivo pela Causa Operária TV.

Não é a primeira vez que Pássaro faz ameaças ao PCO. Antes do ato do último domingo, na Avenida Paulista, Henrique Áreas já havia recebido mensagens com insinuações de que poderia haver “confusão” caso os militantes do Partido fossem com suas bandeiras ao ato. Mas, desta vez, o ataque é físico.

O áudio de Pássaro foi enviado por WhatsApp e, para comprovar a veracidade da denúncia, o Diário Causa Operária o disponibiliza para seus leitores:

É preciso deixar claro que o PCO não abaixa bandeira para os fascistas, para a PM, e muito menos para coxinhas que se passam de esquerdistas jogando ketchup por cima.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas