Menu da Rede

Impugnação de Bolsonaro: uma manobra dos sem voto

"Fascista vai correr"

Um aviso ao MBL: a direita não é bem-vinda às manifestações

A infiltração direitista nas manifestações têm o objetivo final de destruí-las e assim manter Bolsonaro no poder, é preciso cortar esse mal pela raiz

Fascistas tentaram invadir embaixada da Venezuela assim como tentam invadir as manifestações, a reação da esquerda deve ser a mesma. – Foto: Reprodução.

Após um longo hiato sem grandes mobilizações de rua, finalmente o dique de contenção foi rompido. A quase totalidade da esquerda nacional se unificou para convocar novamente grandes mobilizações de rua pelo Fora Bolsonaro. Naturalmente, a direita não moveu um dedo sequer para ampliar essa luta, na realidade eles estão jogando no lado completamente oposto, se esforçando ao máximo para desmobilizar os protestos e assim garantir que o presidente fascista não seja derrubado pelas massas. Sendo assim, a direita, em hipótese alguma, deve ser tolerada nas manifestações.

Na atual situação de crise política e econômica do Brasil, gerada pelo golpe de Estado de 2016, existe uma clara polarização entre a extrema direita bolsonarista e a esquerda, agrupada em torna da figura do ex-presidente Lula. Bolsonaro vem chamando atos de rua em seu apoio e conseguiu aglutinar cerca de 6 mil motocicletas em sua defesa, enquanto isso a esquerda levou cerca de 500 mil pessoas no dia 29 e 750 mil pessoas no dia 19 para as ruas em defesa da derrubada de Bolsonaro. Já a Globo, a Folha de S.Paulo, FHC, Ciro Gomes, Doria, a Força Sindical, o PSB, o MBL e as demais escórias da frente ampla golpista não só não levaram ninguém como sempre se colocaram contra as manifestações.

Apesar desses setores serem completamente inúteis no que se refere à mobilização popular, eles também não diferem em quase nada de Bolsonaro nas questões políticas, são a ala mais fiel à burguesia e ao imperialismo que tem propensões até mais destrutivas para o Brasil do que o próprio presidente golpista. São inimigos da classe trabalhadora, são ativamente a favor das privatizações, contra qualquer tipo de auxílio à população, da fome, da reforma trabalhista e do desemprego em massa. Ou seja, sua participação nas manifestações não é soma nenhuma, apenas uma sabotagem.

Na realidade a participação da direita dentro das manifestações populares sempre cumpre esse papel de sabotagem interna e, analisando a posição da burguesia nas últimas 3 semanas após o grande ato do dia 29, está claro que essa é sua principal estratégia para desmobilizar os trabalhadores. Um caso emblemático deste fenômeno foi o de 2013 quando as manifestações que inicialmente eram contra os governos de direita sofreram um processo de infiltração direitista, e foram tomadas de assalto pela burguesia que acabou as utilizando para fortalecer a sua política e as dissipando.

O movimento operário se desenvolveu muito nos últimos 8 anos e as manifestações de 2021 diferem muito das de 2013 principalmente no quesito da participação do conjunto da esquerda. Mesmo assim é preciso garantir que elas cresçam e se mantenham desta forma, não só é preciso realizar uma ampla convocação de trabalhadores de todas as categorias e nos bairros populares como é preciso garantir, custe o que custar, que os elementos de direita não adentrem a manifestação.

Organizações como o MBL não são bem-vindas nas manifestações, ainda mais neste caso específico que são quase tão fascistas como Bolsonaro. Um de seus principais objetivos é justamente intimidar os manifestantes e tentar expulsar a esquerda dos atos e por isso eles mesmos devem ser expulsos. A participação do MBL é inaceitável, a esquerda não deve aceitar nenhuma infiltração, todas as tentativas nesse sentido devem ser esmagadas pelas forças da classe operária organizada.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores
O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Cultura

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.