Imprensa revolucionária
Os ataques hackers fascista ao Diário Causa Operária (DCO) não foi um simples ataque de algum mero opositor ou de alguém querendo fazer uma brincadeira de mal gosto.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
unnamed (2) (1)
O Diário da Causa Operária é o jornal on line mais longevo da imprensa partidária, desde 2003. | Foto: Reprodução DCO

Os ataques hackers fascistas ao Diário Causa Operária (DCO) não foi um simples ataque de algum mero opositor ou de alguém querendo fazer uma brincadeira de mal gosto. No ataque foram apagados mais de 4 mil matérias e tentaram destruir a estrutura do site, tentando assim calar a voz desse veículo digital.

Esse ataque também não foi um mero ataque a um jornal independente qualquer, tendo o DCO desempenhado o seu papel, ele foi um ataque a lutas dos oprimidos que encontram voz e tribuna no DCO. Sendo o DCO um veículo de imprensa da luta em defesa das reivindicações e das organizações dos negros, das mulheres, dos indígenas, dos gays, da juventude, de todos os trabalhadores do campo e da cidade.

No DCO, principalmente nos seus editoriais de Negros, Mulheres, Juventude, Moradia e Terra, entre outras, são verdadeiras tribunas de onde ecoam as vozes em defesas dos interesses de todos os oprimidos. Essa vozes são verdadeiros chamados para todos os setores oprimidos à lutarem contra a burguesia, contra seus lacaios da direita e extrema direita, que são os inimigos de toda a população.

Temos que ter claro que o ataque à imprensa operária, a uma imprensa revolucionária, é um ataque a toda a luta da classe operária e demais oprimidos. Sendo esses ataques uma tentativa clara de coibir essas lutas, ou até mesmo inviabilizá las.

Neste momento após o golpe de Estado, onde o fascista Bolsonaro se mantém no poder e todos os setores oprimidos viram a perseguição que sofrem, aumenta a patamares históricos. Onde os negros são a maioria absolutas das mortes por coronavírus, onde a extrema direita tentar forçar uma criança a ser mãe, e só se intensificam as lutas pela terra com uma verdadeira onda despejos, onde trabalhadores são massivamente demitidos ou têm seus contratos suspensos com cortes de benefícios.

Nesse cenário dantesco de crise social e econômica, uma imprensa revolucionária independente assumir uma importância ímpar. Justamente pelo momento de acirramento da luta e pela ofensiva da extrema direita que DCO assume grande importância e que o colocou como alvo dos ataques, que tentaram lhe silenciar.

Esses acontecimentos de ataques as imprensas independentes, também levanta a importância de uma defesa acirrada da imprensa revolucionária, do veículo de imprensa DCO, assim como de outros veículos de imprensa independentes de esquerda que também foram alvos de ataques. Bem como da necessidade do fortalecimento e crescimento dessa imprensa revolucionária como um instrumento na luta que teremos logo a frente.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas