TSE golpista: PT dizer a verdade é “Fake News”, propaganda enganosa de Bolsonaro é permitida

IMAGEM_NOTICIA_3

O caráter totalmente farsesco e ditatorial das eleições desse ano ficaram ainda mais evidentes com as ultimas posições adotadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), contra a candidatura do PT, de Fernando Haddad. A base da fraude eleitoral foi a impugnação da candidatura do ex-presidente Lula, líder em todas as pesquisas enquanto era candidato, e verdadeiro vencedor das eleições desse ano. As eleições tem sido desde o inicio controladas pelos golpistas, uma consequência direta do golpe de estado dado contra a presidenta Dilma Rousseff.

Desde o principio, o TSE tem instituído uma verdadeira perseguição contra a esquerda, a partir da impugnação de Lula, a justiça eleitoral tratou de atuar abertamente a favor dos golpistas, instituindo uma verdadeira perseguição contra a esquerda.

A própria campanha contra as chamadas fake news, apoiada por quase toda a esquerda nacional, inclusive o PT, demonstrou ser uma parte fundamental da fraude eleitoral. O TSE suspendeu um video publicitário da campanha de Fernando Haddad, no qual o candidato petista denunciava, de maneira correta, o fato de  Bolsonaro ser um ferrenho apoiador da ditadura e da tortura no pais. A denuncia publicitaria nada mais faz do que afirmar o obvio, as declarações de Bolsonaro a favor do coronel Carlos Alberto Brilhante Ulstra, de que a ditadura, que matou mais de 30 mil pessoas, matou pouco, de que tem que metralhar a petralhada, e, mais recentemente, disse que ira instituir uma perseguição contra toda a esquerda, são publicas e foram veiculadas por todos os meios de comunicação. Para o TSE, no entanto, denunciar as inúmeras barbaridades ditas contra o povo por Bolsonaro não e permitido. O argumento utilizado pelo juiz Luiz Felipe Salomão e de um absurdo tremendo.

Para o juiz a propaganda petista não pode ser veiculada, pois” incute medo na população ao sugerir que se o candidato Jair Bolsonaro for eleito vai perseguir e torturar eventuais opositores políticos”. Ora, mais esse e exatamente o objetivo da denuncia, alertar o povo da ameaça ditatorial de um provável governo Bolsonaro. Ao impedir que o PT denuncie as afirmações do fascista Bolsonaro, o TSE demonstra que atua a favor do candidato golpista, atua de maneira ditatorial contra qualquer oposição que possa haver a candidatura da extrema-direita. Vale lembrar que o Supremo Tribunal Federal já esta controlado pelos militares, um apoiador de Bolsonaro e dos golpistas, Fernando Azevedo e Silva.

Ao mesmo tempo, o mesmo TSE se cala em relação as inúmeras mentiras veiculadas por Bolsonaro e seus apoiadores contra o candidato petista, utilizando imagens falsas e verdadeiras armações com o único objetivo de caluniar a candidatura petista.

A postura do Supremo Tribunal Eleitoral abertamente pró-golpe, pró-Bolsonaro, demonstrar que as eleições estão totalmente sob controle da direita e são uma fraude completa. Para derrotar essa verdadeira ditadura, é preciso superar as ilusões nas instituições dominadas pelos golpistas. E necessário ampliar e fortalecer a organização dos comitês de luta contra o golpe e organizar uma gigantesca mobilização de luta contra o golpe, pela derrota de todos os golpistas.