Contradição interna
Por ondens de Trum, o exército norte-americano deixa a Somália, onde estava desde 2005
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
foto de Devon Bistarkey
Soldado norte-americano "protegendo a paz" | Foto: Reprodução
Por ordem do presidente Donald Trump, a maioria dos cerca de 700 soldados americanos atualmente na Somália se retirará totalmente ou será transferida para países próximos no início de 2021, confirmou o Departamento de Defesa:

O Presidente dos Estados Unidos ordenou que o Departamento de Defesa e o Comando dos Estados Unidos na África reposicionem a maioria do contingente e ativos na Somália até o início de 2021”

Disse o Pentágono na sexta-feira, depois que o Wall Street Journal deu a notícia.

O evento mostra o choque que a política externa de Trump com o imperialismo norte-americano.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas