Cinismo imperialista
Um dia após solicitar o adiamento das eleições nos EUA, o governo Trump criticou o adiamento das eleições em Hong Kong.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
CHARGEZTRUMP
| Ilustração: Duda Hidalgo

Os EUA travam uma guerra comercial com a China e um dos flancos de ataque do imperialismo é Hong Kong. Protestos direitistas são impulsionados há algum tempo. Desta vez, mantendo a linha de cinismo, despudor e barbárie, o imperialismo não conseguiu esconder o golpismo e intervencionismo descarados contra uma outra nação independente.

O governo Trump solicitou o adiamento das eleições nos EUA na última quinta-feira (30), porém nesta sexta-feira (31) criticou o pedido feito por outro país, “Condenamos a decisão do governo de Hong Kong de adiar por um ano as eleições para o conselho legislativo e desqualificar os candidatos da oposição”, declarou a porta-voz da Casa Branca, Kayleigh McEnany, em entrevista coletiva.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas