Ataques de Iván Duque
Trabalhadores colombianos, chamados pelas centrais sindicais do país, realizaram atos nesta quinta-feira contra a retirada de direitos trabalhistas imposta por Iván Duque
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
EaPHUxmWAAAHWF1
Ato contra retirada de direitos trabalhistas na Colômbia | Foto: Central Única dos Trabalhadores da Colômbia

O governo do fascista Iván Duque quer retirar direitos trabalhistas dos colombianos durante a pandemia do Covid-19 por meio de uma reforma trabalhista e uma reforma da previdência. Os trabalhadores colombianos, por sua vez, realizaram atos nesta quinta-feira para impedir a retirada desses direitos, além de exigir mais gastos na saúde pública.

O pacote de medida que retira direitos dos trabalhadores, chamado de reforma trabalhista por Duque, é obra da Federação Nacional dos Comerciantes (FENALCO) e conta com a desobrigação de pagamentos impostos por lei na Colômbia e a implantação de uma jornada de trabalho e seu pagamento baseada em horas trabalhadas.

 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Relacionadas