Contra a privatização
Trabalhadores, expulsaram a PF, pelegos e a direção da empresa e convocam os trabalhadores a ampliarem a mobilização!

Por: Redação do Diário Causa Operária

Os trabalhadores dos correios de Salvador e região foram atacados pela direção golpista da empresa e pela Polícia Federal no começo da tarde desta quarta (02) que quiseram intimidar os trabalhadores para acabar com o piquete na principal unidade dos correios no Nordeste, o CCE Salvador, localizado na BA-535, conhecida Via Parafuso.

Os trabalhadores dos correios exercem seu legítimo direito à greve e devem ser respeitados como trabalhadores e por defender um patrimônio nacional contra o entreguismo da direita, contra os governos capachos dos capitalistas e contra as forças de repressão que agem a mando da burguesia, favorecendo os interesses de grandes empresas internacionais que querem se apropriar da empresa.

Em greve desde o último dia 18, há exatos 16 dias, lutam contra os ataques do governo Bolsonaro que determinou que quer privatizar a empresa “a qualquer custo”, quer reduzir os salários pela metade acabando com o Acordo Coletivo da categoria, além do corte de vários outros direitos.

Os trabalhadores, no piquete desde a madrugada da última sexta (28), reforçam que irão permanecer no local e na luta pelos seus direitos e convocam o apoio de todos os trabalhadores.

 

https://www.youtube.com/watch?v=IQvNalZ7dRw&feature=youtu.be

 

Send this to a friend