Bancários
Trabalhadores da Caixa Econômica Federal ficam expostos ao COVID-19, enquanto veem seus direitos sendo retirados e a exploração aumentando durante a pandemia
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
caixa_-_tania_rego_0 (1)
Caixa Econômica Federal | Foto: Tânia Rego

Não bastasse o aumento da exploração dos bancários da Caixa Econômica Federal e as condições insalubres de trabalho durante a pandemia da COVID-19, os ataques e a pilhagem dos golpistas contra os bancários da Caixa Econômica Federal também se intensificaram. As filas enormes nas portas das agências, bem como, as lotadas salas de autoatendimento sobrecarregaram de trabalho os empregados em todo país e ainda os expuseram diretamente aos riscos de transmissão do novo vírus corona.

Aos trabalhadores não há distribuição de máscaras de proteção tampouco orientação sobre o tipo e período de uso, medidas de segurança ainda estão sendo implementadas e não há disponibilidade de testes. A direção golpista da Caixa não divulga dados oficiais de empregados infectados, somente no estado de São Paulo sabe-se de ocorrência em 10 unidades de trabalho. Os funcionários terceirizados de unidade com casos de contágio não estão recebendo dispensa das atividades e não há adequada desinfecção das áreas comuns de uso dos clientes.

Apesar dos problemas sanitários e aumento da demanda de atendimento, a cobrança de metas não cessou. O presidente golpista, Pedro Guimarães, autorizou transferências, descomissionamentos e a aberturas de processos seletivos internos para funções gratificadas como novo método de terror e pressão. O funcionamento parcial das agências, isto é, para atendimento de serviços essenciais (pagamentos de seguro desemprego, abono salarial, FGTS) é uma farsa, atividades de vendas de seguros, cartões de crédito, aberturas de conta e empréstimos seguem normalmente.

Os empregados da Caixa estão sob intensa exploração, há empregados chegando 7 horas da manhã para organizar as filas antes da abertura das agências às 8 horas, mesmo os que estão em home office chegam a trabalhar 12 horas para atingir os resultados. Os golpistas buscam ainda aprovar lei para suspender contratos e reduzir salários, não há contratação de pessoal mesmo com quadros de funcionário deficitários.

A direção ilegítima da Caixa quer que os funcionários em home office trabalhem até mesmo nos feriados. No estado de São Paulo, roubaram o direito dos empregados de gozarem o feriado do “9 de julho”, antecipado para o dia 25 maio pelo governador golpista João Doria para prejudicar os trabalhadores. O projeto dos golpistas é implantar um regime de escravidão, aumentando a carga horária diária incluindo finais de semana e feriados.

Os bancários da Caixa receberam ataques no fundo previdenciário (FUNCEF) e no plano de saúde (Saúde Caixa). Além do atraso na divulgação dos resultados do fundo, a rentabilidade do mês de dezembro de 2019 sofreu alteração de 4,49% para 3,13%, já a rentabilidade do mês de janeiro de 2020, inicialmente de 0,6%, simplesmente desapareceu. Ao questionamento sobre queda na cota dos empregados, a justificativa foi de revisão do valor de ativos. O Saúde Caixa apresentou relatório financeiro deficitário sem discussão com Conselho de Usuários, diferente dos anos anteriores que foram superavitários.

A destruição dos direitos dos empregados da Caixa é parte do projeto de privatização do maior banco 100% público da América Latina. Pedro Guimarães, que entregou aos capitalistas ativos de alta liquidez como ações da Petrobrás com direito a voto, já havia anunciado que a privatização das áreas de cartões, seguros e loterias. Agora, o Ministro da destruição Econômica, o golpista Paulo Guedes, disse pretende entregar neste ano as maiores empresas públicas aos tubarões capitalistas. Não outra maneira de barrar a precarização das condições de trabalho e a destruição deste grande patrimônio dos brasileiros sem uma greve pela derrubada do governo de Jair Bolsonaro e contra golpe de estado no país.

Fora Bolsonaro e Todos os Golpistas! Abaixo Golpe e Eleições Gerais!

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas