Toffoli tem novo general como “assessor” e continuará sendo pau-mandado dos militares

maxresdefault

Da redação – Nesta terça-feira (27), o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, anunciou seu novo “assessor”, o general Ajax Porto Pinheiro.

Ele substituirá outro general, Fernando Azevedo e Silva, que será ministro da Defesa do governo ilegítimo e fascista de Jair Bolsonaro.

Silva foi imposto há poucos meses em uma posição-chave no STF pelos militares, a fim de controlar a atividade da Casa e manipular Toffoli como se fosse um boneco de ventríloquo.

De fato, que comanda o STF são os militares, e agora com um novo general “assessorando” Toffoli, nada vai mudar.

Desde que Silva assumiu o posto no STF, Toffoli tem demonstrado um deslocamento cada vez mais para a direita, defendendo o golpe militar de 1964 e o golpe do impeachment de 2016, bem como a prisão de Lula.

Assim, os militares continuarão no comando do STF, no governo Bolsonaro.