Candidato do imperialismo
Revista se junta a outros dos principais órgãos imperialistas como o NYT, Washington Post e USA Today
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
49838949237_d301eb62ed_k
Joe Biden, o candidato do imperialismo | Foto: stingrayschuller

Uma das principais publicações do imperialismo mundial, a revista britânica The Economist, anunciou hoje (29) seu apoio oficial à candidatura do democrata Joe Biden à presidência dos Estados Unidos.

Segundo o órgão, Biden “é um bom homem que restauraria a estabilidade e a civilidade à Casa Branca. Ele está equipado para começar a longa e difícil tarefa de reconstruir um país dividido”.

O Economist se junta, assim, a outros dos principais veículos de imprensa imperialistas em seu apoio a Biden, como os jornais The New York Times, The Washington Post e o USA Today.

O editorial da revista escancara com todas as palavras que Biden é o candidato do imperialismo e por que ele é o candidato do imperialismo: daria uma maior estabilidade para que os imperialistas promovam seus ataques contra o povo norte-americanos e os povos oprimidos do mundo.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas