Pelo fim do VAR
Rooney critica o VAR e evidência manipulação dos jogos.
ju7 (1)
Ex-jogador e atual técnico do Derby County, Wayne Rooney | Football Gallery
ju7 (1)
Ex-jogador e atual técnico do Derby County, Wayne Rooney | Football Gallery

O ex-jogador Wayne Rooney, ídolo do Manchester United e da seleção inglesa e atual técnico do Derby County, que está em 16º lugar da segunda divisão do campeonato nacional do seu país, criticou o uso do VAR e afirmou que o arbitro de vídeo tira a emoção das partidas.

“Deviam tirar o VAR dos jogos da Premier League (o Campeonato Inglês), o futebol é melhor sem VAR. Quando vejo jogos da Premier League, percebo que algumas decisões são muito frustrantes e não consigo entender como é que os árbitros tomam determinadas decisões”, disse Rooney à Sky Sports.

“Mesmo que às vezes nos sintamos frustrados depois dos jogos, temos de confiar nos árbitros para fazer o trabalho da melhor maneira possível e respeitar as decisões deles”, complementou o atual treinador.

Rooney relembrou os tempos de jogador e disse que “é ridículo” ter de esperar para ver se o gol foi legal ou não. “Tira a emoção do momento. Lembro-me de alguns gols que fiz em que podia estar impedido ou não. Eu via que o assistente continuava com a bandeira abaixada e continuava a festejar”, conta.

Wayne Rooney  artilheiro recorde do Manchester United e da Inglaterra acredita que o VAR deve ser descartado para sempre, afirmando que o jogo era melhor quando as decisões dependiam exclusivamente dos árbitros em campo

Rooney  e outros jogadores ingleses acreditavam  que o VAR acabaria com as decisões controversas que sempre atormentaram a Premier League, mas isso simplesmente não aconteceu.

Caso como a do treinador Rooney tende aumentar, pois o árbitro de vídeo tem causado muitas criticas tanto jogadores e treinadores

O VAR, vídeo para arrumar resultado como foi apelidado brilhantemente pelos camaradas do programa na zona do agrião.

Serve exatamente para facilitar a vitória dos clubes grandes contra times de menor expressão.

A crítica de um ex-jogador como Wayne Rooney evidencia a crise do VAR, que não está sendo bem aceito mesmo com todo apoio da impressa burguesa.

O VAR está deixando o futebol desestimulante devido as suas longas paralisações, tirando a emoção dos gols e interferindo diretamente nos resultados dos jogos.

É preciso denunciar essa imposição do chamado futebol moderno, visa destruir o futebol como conhecemos, a grande paixão do povo brasileiro e mundial.

Jogadores e treinadores juntos com os torcedores devem ter como palavra de ordem fora VAR do futebol, pois só com uma mobilização em conjunto com os torcedores pode acabar com esse instrumento de manipulação.

Relacionadas
Send this to a friend