Coronavírus
Inglaterra ultrapassa marca de um milhão de doentes em meio a novo surto de contágios, com mais de 20 mil novos casos por dia. Contudo, escolas e universidades permanecerão abertas
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
coronavirus-boris-johnson-18032020171437932
Elevação crescente dos contágios leva Boris Johnson a decretar incremento de medidas restritivas | Foto: Reprodução

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, ordenou que a Inglaterra volte ao estado de lockdown, a ser adotado em todo o país. O decreto é estabelecido em meio a uma explosão de contágios pelo coronavírus, que levou o Reino Unido a ultrapassar a marca de um milhão de casos de Covid-19 e uma segunda onda de infecções, com ameaça de nova sobrecarrega no serviço de saúde. Apenas determinados serviços permanecerão abertos, incluindo escolas e universidades.

Com o maior número vítimas fatais da pandemia na Europa, o país insular enfrenta mais de 20 mil novos casos de coronavírus por dia. Organizações de saúde advertem que o “pior cenário”, 80 mil mortes, pode ser ultrapassado caso o surto de contágios não seja controlado.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas