Siga o DCO nas redes sociais

STF vota contra liberdade de Lula, mas ainda falta julgar o HC
casa
STF vota contra liberdade de Lula, mas ainda falta julgar o HC
casa

Da redação – A segunda turma do Supremo Tribunal Federal votou agora a liminar proposta por Gilmar Mendes para conceder liberdade provisória, porém imediata, para Lula, ao invés de julgar o HC sobre a suspeição de Moro.

Se ganhasse, Lula seria libertado imediatamente e ficaria solto até o fim do julgamento do HC (que ocorreria apenas em Agosto). A votação ficou 3×2. Votaram a favor Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski. E contra, Edson Fachin, Celso de Mello e Carmen Lúcia. Portanto, a liminar não passou.

O Supremo ainda terá de julgar o Habeas Corpus.