STF facilita demissão de trabalhadores nos Correios

carta 1

Nesta quarta-feira (10-11), os ministros golpistas do STF (Supremo Tribunal Federal) julgaram o recurso da direção golpista da direção dos Correios, que quer demitir trabalhadores indiscriminadamente.

Como já existe uma jurisprudência que impede a demissão sem motivação nos Correios, ou seja, há várias decisões judiciais favoráveis aos trabalhadores, os golpistas queriam que derrubar essa jurisprudência.

No julgamento, os ministros golpistas não tiveram coragem de derrubar uma jurisprudência que já dura mais de 20 anos, mas liberou que os Correios não precise mais fazer processos administrativos para essa demissão.

Basta apenas alegar uma justificativa, que poderá ser normatizada nos próximos acordos coletivos, ou seja, se a direção da ECT conseguir fazer com que os sindicalistas assinem um acordo onde é permitido demissões por diversos motivos, essas demissões serão válidas.

No final, o julgamento serviu para facilitar a demissão, apesar de reafirmar que a demissão tem que ser justificada.