Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
14/03/2017- Brasília- DF, Brasil-  Ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira, durante inauguração da exposição Palavras Sem Fronteiras, no Palácio Itamaraty Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
|

No último dia 11, o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Celso de Mello atendeu ao pedido da Procuradoria Geral da República (PGR) e arquivou o processo contra Aloysio Nunes. Figura importante do PSDB, Nunes foi um dos principais articuladores do golpe de 2016 no Congresso e foi escolhido pelos donos do golpe para ser o ministro das Relações Exteriores.

Capacho fiel do imperialismo, Aloysio Nunes veio para cumprir um papel estratégico à frente da pasta de Relações Exteriores. Sabotando a Venezuela de todas as formas possíveis, o tucano tem levado o Estado brasileiro a seguir a política de preferência do imperialismo.

O fato de o STF ter arquivado o processo de Aloysio Nunes não pode simplesmente passar despercebido. Afinal, o Brasil hoje é um país em que não vigora mais a presunção de inocência – um país em que todos são culpados exceto que se prove o contrário. Por que então as investigações sobre o tucano foram arquivadas?

Essa pergunta já foi respondida – Aloysio Nunes não será preso justamente porque está servindo fielmente o imperialismo. Como são os setores mais poderosos da burguesia que comandam o STF – que é chantageado e corrompido diariamente -, é óbvio que não há interesse algum em prender o chanceler do golpe.

O arquivamento do processo contrasta totalmente com a situação do ex-presidente Lula, que foi preso sem provas pela direita golpista. Por isso, é necessário mobilizar os trabalhadores contra o golpe e pôr abaixo a ditadura dos golpistas.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas