Não ao genocídio dos estudante
Direita em São Paulo aprova medidas para volta às aulas em meio do agravamento da pandemia e se aproveita para iniciar privatização do ensino público
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
escolasp
É impossível garantir segurança contra o COVID-19 nas escolas | Imagem: reprodução

Nesta quarta-feira (05/08), a Câmara Municipal de São Paulo aprovou por maioria uma lei que garante a volta às aulas nas escolas municipais. A lei aprovada pela direita no município é tão absurda que garante a aprovação automática e a compra de vagas em escolas particulares numa clara medida de privatização do ensino e de transferir enormes quantias de dinheiro público para os capitalistas do ensino.

A direita em São Paulo encabeçadas pelo PSDB e PMDB revelam seus planos para a pandemia. Jogar milhões de pessoas em meio a pandemia para estarem no transporte público superlotados e entregar enormes quantias de dinheiro público para as escolas particulares. É preciso organizar os professores e a população para uma grande greve contra a volta às aulas e a privatização do ensino público.

A palavra de ordem deve ser que a volta às aulas só pode ocorrer com vacina contra o coronavírus.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas