Siga o DCO nas redes sociais

SP: trabalhadores dos frios participam de ato pelo “Fora Bolsonaro”
SP: trabalhadores dos frios participam de ato pelo “Fora Bolsonaro”

No ato realizado no dia 13 de agosto, onde, em uníssono foi pedido pela saída do presidente ilegítimo do Brasil aos gritos de “Fora Bolsonaro”, teve a participação dos trabalhadores nas indústrias de carne e do frio de São Paulo juntamente com várias outras categorias, tais como: professores, bancários, petroleiros, químicos, metalúrgicos, vidreiros, correios, ocupações sem teto, Movimento dos trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), entre outros.

O ato que contou com dezenas de milhares de pessoas que se concentraram na avenida Paulista, desde as 16 horas, seguindo pela rua da Consolação até a praça da República em uma enorme passeata, onde havia espalhado pela manifestação várias faixas com dizeres de “Liberdade para Lula” e “Fora Bolsonaro” demonstrando imensa repulsa da população aos golpistas que tomaram de assalto o país.

Apesar de grandes organizações terem insistido em convocar o ato apenas como uma manifestação em defesa da educação, o que deu a tônica do ato foi mesmo o “Fora Bolsonaro” e “Liberdade para Lula”.

Uma faixa de “Fora Bolsonaro”, do PCO, de 50 metros de extensão, foi carregada por várias pessoas que disputavam espaço para poder segurá-la, o anseio pelo Fora Bolsonaro era o que se expressava nos manifestantes que colavam adesivos no peito, nas bolsas, etc..

Manifestantes independentes também levaram faixas de Fora Bolsonaro, incluindo o Sindicato dos Trabalhadores da USP (Sintusp). O aumento dessas mobilizações será de fundamental importância para derrotar os golpistas, tirar o fascista Bolsonaro do poder e que Lula participe, em liberdade, de novas eleições.