Alunos protestam em Santos
SP: alunos protestam contra escolas de tempo integral
Duas escolas da baixada santista protestam contra as escolas de tempo integral
protesto-escola-santos
Alunos protestam em Santos
SP: alunos protestam contra escolas de tempo integral
Duas escolas da baixada santista protestam contra as escolas de tempo integral
Protesto dos estudantes em Santos
protesto-escola-santos
Protesto dos estudantes em Santos

Hoje, dia nove de setembro, os alunos de duas instituições da baixada santista (SP) protestaram contra a ameaça de virarem escolas de tempo integral as “PEIs”.

As unidades E.E Neves Prado Monteiro e E.E Fernando de Azedo Júnior são as que estão sendo ameaçadas de mudança. Um grupo de alunos das duas escolas, acompanhados dos pais, foram até a sede da Diretoria de Ensino de Santos para se posicionar contra o programa e reivindicar melhorias das escolas.

Os alunos fizeram um abaixo-assinado, pois a escola está repleta de rachaduras nas paredes, buracos no chão, problemas na fiação elétrica, falta de portas nos banheiros, materiais para laboratórios e bibliotecas e ventiladores.

Questionam a precariedade das escolas e em contrapartida a implementação das escolas de tempo integral goela abaixo.

O governo golpista cada dia mais está perseguindo os professores para massacrá-los ainda mais com o aumento de trabalho e vigilância, pois as escolas de tempo integral os professores são avaliados e até podem ser desligados do projeto.

Somente a mobilização e a denúncia dos professores e alunos contra esses ataques vai barrar todos os retrocessos promovidos pelo governos golpistas do PSDB e também do governo fraudulento de Jair Bolsonaro (PSL).

Por uma greve por tempo indeterminado para derrubar os golpistas e salvar o ensino público, tão sucateado pelo governo de São Paulo.