Ocupação da América Latina
Senadores colombianos denunciam que soldados norte-americanos que chegaram à Colômbia tem ordens de se misturar a grupos paramilitares de extrema direita
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Bogotá_-_Bandera_de_Colombia_-_CAN
Bandeira da Colômbia | Foto: Reprodução

Senadores colombianos têm denunciado que os soldados dos EUA que supostamente haviam chegado à Colômbia para lutar contra o narcotráfico, na realidade, têm ordens para se misturar com grupos paramilitares de extrema direita e os treinar.

O senador Iván Cepeda, do partido Polo Democrático Alternativo, fez comparações entre o que ocorre hoje na Colômbia e o que ocorre na Líbia, dizendo que o país pode terminar como um posto de abastecimento das multinacionais de petróleo. Wilson Arias Castillo, do mesmo partido, duvidou das intenções de combate ao narcotráfico. Já Gustavo Petro, ex-candidato à presidência pelo partido Colombia Humana disse que os soldados estão na Colômbia para roubar o petróleo da Venezuela.

Iván Duque permitiu a chegada dos soldados norte-americanos no país sem consultar o congresso. É de conhecimento de praticamente todos os colombianos que há a intenção clara de realizar uma guerra contra a Venezuela. A população colombiana organizou alguns atos contra a presença dos estadunidenses em seu território.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas