Sobre o Diário Causa Operária

O Diário Causa Operária é um jornal diário, operário e socialista. O mais antigo da esquerda brasileira, também na Internet, tendo iniciado seus trabalhos em 2003.

Nesses 17 anos de existência, o DCO cobriu os mais importantes acontecimentos políticos, econômicos e sociais do Brasil e do mundo.

A primeira cobertura de destaque deste diário comprovou o caráter internacionalista da nossa imprensa, feita in loco por repórteres do Causa Operária. Foi o processo de características revolucionárias que representou a série de revoltas populares que levou à eleição de Evo Morales na Bolívia em 2005.

Depois dessa, vieram muitas outras. Cobrimos os julgamentos farsescos do Mensalão, a crise capitalista de 2008 e todas as eleições desde 2006. Este diário também fez uma cobertura minuciosa das chamadas “Jornadas de Junho” de 2013. A série de golpes de Estado na América Latina (Honduras em 2009, Paraguai em 2012, Brasil em 2016, Bolívia em 2019, bem como a tentativa fracassada na Nicarágua em 2018 e as sucessivas tentativas frustradas na Venezuela) também foram objeto de uma intensa cobertura jornalística e denuncista deste veículo.

Juntamente com o restante da imprensa do Partido da Causa Operária (PCO), como a Causa Operária TV e o Jornal Causa Operária, o DCO tem sido um órgão fundamental para o desenvolvimento da luta democrática, progressista e operária no Brasil.

Previmos, já em 2013, baseados obviamente na análise materialista, que estava se desenvolvendo um golpe no Brasil, bem como o surgimento de um movimento de extrema-direita. Denunciamos, também, que a crise de 2008 obrigaria o imperialismo a impor uma política mais dura contra os povos do mundo todo, principalmente os dos países atrasados, e isso se daria através da promoção de golpes de Estado e a implantação de regimes de extrema-direita.

No entanto, mais do que um veículo de análise e informação, o Diário Causa Operária tem se destacado por seu um meio de agitação e propaganda dentro da classe trabalhadora brasileira e, cada vez, mais, um meio de influência na esquerda nacional e mesmo internacional. Afinal, este é o papel do DCO: ser um órgão de centralização e organização do movimento operário revolucionário brasileiro.

Isso se dá por uma série de motivos. O primeiro deles é político: o DCO, devido à sua orientação marxista, traz aos leitores uma análise realista do que ocorre no cotidiano nacional e mundial. Isso faz com que seu conteúdo seja de uma qualidade ímpar em toda a imprensa de esquerda brasileira.

Principalmente nos últimos anos, o público do jornal vem aumentando consideravelmente. Para que o leitor tenha uma noção, em 2016 o DCO teve 1,2 milhão de visualizações; em 2017 esse número mais do que dobrou, chegando a 2,6 milhões; em 2018, as visualizações chegaram a 4,6 milhões; já em 2019, o número beirou as 6 milhões de visualizações. Trata-se de um crescimento exponencial.

Em 2018, este jornal publicou um total de 10.758 matérias e em 2019 esse número alcançou 11.226. Por sua vez, entre 1 de janeiro e 30 de maio de 2020, foram publicadas 5.500 matérias.

No final deste ano, ultrapassaremos, de longe, os anos anteriores, em relação ao total de matérias publicadas. Porque, pela primeira vez, o Diário Causa Operária publicará, além da sua média de 40 matérias da edição diária que saem às 00h de cada dia, notícias durante todas as 24h, os sete dias da semana. Um jornal atualizado constantemente, com as principais notícias regionais, nacionais e internacionais, bem como as que têm interesse direto da classe operária e das demais camadas de massa oprimidas.

Tudo isso é feito graças aos mais de 100 redatores voluntários que contribuem com a redação do jornal, uma redação 100% militante. Essa conquista se dá sem um único centavo de dinheiro capitalista, afinal, como um órgão operário, o DCO não recebe financiamento da burguesia, ao contrário de todos os grandes veículos de comunicação, cujas mentiras combatemos duramente a cada dia.

Outra particularidade do DCO, que o diferencia, desta vez, de todos os jornais da esquerda brasileira, é que, a partir deste 1º de junho, retomaremos a nossa edição diária diagramada em PDF. Esse é um importante passo na luta pela construção de um jornal diário impresso da classe operária, o que constitui uma enorme evolução da imprensa revolucionária.

Apresentamos, agora, uma nova versão do Diário Causa Operária, melhor, com mais qualidade, de mais fácil navegação, para que você, leitor, possa desfrutar mais ainda do conteúdo da imprensa revolucionária, popular e socialista. 

Lembramos, por último, que isso também só é possível graças ao apoio financeiro dos nossos companheiros leitores, uma vez que não recebemos financiamento capitalista. Portanto, é de fundamental importância a contribuição de cada leitor, que pode ser feita através da assinatura na plataforma Catarse. Isso ajudará o Diário Causa Operária a não só manter o nível ao qual chegamos, de grande alcance público e alta qualidade no conteúdo, mas a evoluir ainda mais na construção de uma poderosa imprensa revolucionária que penetre as grandes massas populares de todo o País e no exterior.

Seja bem-vindo ao DCO! Leia, comente, compartilhe nossas matérias e faça parte da nossa imprensa!