Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

O ano de 2017 foi um ano muito positivo para o Partido da Causa Operária em vários aspectos, e estes serão explicados no trecho a seguir da Análise Política da Semana.

https://soundcloud.com/jornalcausaoperaria/um-ano-positivo-e-de?in=jornalcausaoperaria/sets/momentos-analise-politica-da-semana-30122017

Leia abaixo o que foi apresentado pelo companheiro Rui Costa Pimenta sobre a questão:

“Queria só concluir dizendo o seguinte, como nós estamos aqui encerrando o ano queria só destacar o fato de que o ano foi extremamente positivo para o PCO. Nós tivemos aí um crescimento, um desenvolvimento, em todas as nossas atividades, nós realizamos dois atos nacionais em Brasília junto com os comitês de luta contra o golpe pela anulação do impeachment, que dada a complexidade da operação, de levar gente de diversos estados para lá, foi uma façanha num momento em que tava tudo muito parado, ninguém tava fazendo absolutamente nada.

Estivemos na dianteira da luta contra condenação do Lula também, formamos dezenas de comitês de luta contra o golpe, realizamos plenárias nacionais destes comitês, tudo isso além da nossa atividade regular, que o partido realiza todos os ano, foi um ano intenso de agitação e propaganda. Nós tivemos um crescimento exponencial em todos os nossos órgãos de divulgação, a Análise Política da Semana se aproxima do programa de número 200 e este ano aqui [2017] nós tivemos mais de 600 mil visualizações se eu nao estiver jogando para baixo o número de visualizações. Tivemos o desenvolvimento da Causa Operária TV, inauguramos vários programas novos.

Quer dizer de um modo geral nossa atividade aumentou significativamente neste ano, e nós vamos tratar de aumentar ainda mais, e numa proporção ainda maior em 2018, que vai ser um ano muito quente.

Nós estamos encerrando o ano, que com a realização de jantares e festas de réveillon, em algumas dezenas de cidades do país, mostra inclusive o crescimento numérico das pessoas que estão sendo agrupadas pelo partido”.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas