Futebol feminino
As Sereia da Vila, como são chamadas as jogadoras do Santos, levaram a melhor nos pênaltis sobre o Tricolor paulista e conquistaram a segunda edição da Copa Paulista Feminina
santos
Santos F.C. é campeão da Copa Paulista Feminina de 2020 | Foto: Reprodução
santos
Santos F.C. é campeão da Copa Paulista Feminina de 2020 | Foto: Reprodução

O Santos F.C. é o grande campeão da Copa Paulista Feminina de 2020. Neste sábado (19), em duelo contra o São Paulo F.C., as Sereias da Vila foram superadas no tempo normal, mas levaram a melhor na disputa de penalidades e conquistaram o troféu.

Após vencerem o São Paulo no jogo de ida por 2 a 0, as santistas perderam pelo mesmo placar no Morumbi na tarde deste sábado, mas conquistaram o troféu ao triunfarem por 5 a 4 nas cobrança de pênaltis.

O jogo começou com o São Paulo tomando a iniciativa. Precisando reverter o resultado do jogo de ida, a equipe tricolor foi ao ataque e conseguiu abrir o placar logo aos 17 minutos do primeiro tempo, numa bela jogada do time que terminou com a conclusão da atacante Jaqueline. O segundo gol veio ainda na etapa inicial. Em rápido contra-ataque, a bola chegou mais uma vez para Jaqueline que, inspirada, soltou uma bomba para o fundo das redes, marcando um golaço.

O Santos retornou melhor para o segundo tempo. Em alguns lances de bola parada com a artilheira Cristiane e com Amanda Gutierres, a equipe santista ameaçou o time do Morumbi. O placar do jogo, no entanto, não se alterou. Mantido o mesmo resultado do jogo de ida, a disputa foi para as penalidades máximas, o terror dos cardíacos.

O Santos largou na frente na disputa de pênaltis. Amanda Gutierres, Cristiane e Day Silva acertaram as três primeiras cobranças. Do lado tricolor, porém, as coisas começaram mal: Giovana e Thais perderam, a primeira parando na goleira santista Michele e a segunda chutando para fora. Com duas cobranças perdidas, o São Paulo ficou pressionado.  Mas as Sereias da Vila retribuíram o presente e  desperdiçaram duas cobranças cruciais, com Thayla e Larissa. Jaqueline, Dani Silva e Gláucia, pelo lado tricolor, acertaram suas batidas, forçando o início das cobranças alternadas.

A zagueira Nath Rodrigues abriu as alternadas e colocou o Santos na frente. Giovaninha empatou para o Tricolor. Depois, Fê Palermo voltou a deixar o Santos em vantagem. Foi então que Camilla bateu para fora do gol e decretou a conquista santista da Copa Paulista Feminina.

Esta foi a segunda edição da Copa Paulista Feminina. O torneio foi disputado por quatro equipes, divididas em dois grupos, que duelaram em jogos de ida e volta, para definir quem chegaria à final. Com melhor campanha na classificação geral no Paulista Feminino, o São Paulo passou pelo Taubaté para chegar à final. Do outro lado da chave, Santos e São José se enfrentaram em busca de vaga na decisão, e a equipe do litoral paulista ganhou a vaga.

Santos e São Paulo são duas das principais equipes do futebol feminino na atualidade e fizeram uma final digna da tradição e dimensão dos clubes. A evolução e o crescimento do futebol feminino são notáveis. As dificuldades e problemas que atravancam o desenvolvimento da modalidade no país são imensas, mas a luta e o talento das jogadoras brasileiras não deixa de colher frutos. Essa final foi uma demonstração disso.

Relacionadas
Send this to a friend