Futebol feminino
As Sereia da Vila, como são chamadas as jogadoras do Santos, levaram a melhor nos pênaltis sobre o Tricolor paulista e conquistaram a segunda edição da Copa Paulista Feminina
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
santos
Santos F.C. é campeão da Copa Paulista Feminina de 2020 | Foto: Reprodução

O Santos F.C. é o grande campeão da Copa Paulista Feminina de 2020. Neste sábado (19), em duelo contra o São Paulo F.C., as Sereias da Vila foram superadas no tempo normal, mas levaram a melhor na disputa de penalidades e conquistaram o troféu.

Após vencerem o São Paulo no jogo de ida por 2 a 0, as santistas perderam pelo mesmo placar no Morumbi na tarde deste sábado, mas conquistaram o troféu ao triunfarem por 5 a 4 nas cobrança de pênaltis.

O jogo começou com o São Paulo tomando a iniciativa. Precisando reverter o resultado do jogo de ida, a equipe tricolor foi ao ataque e conseguiu abrir o placar logo aos 17 minutos do primeiro tempo, numa bela jogada do time que terminou com a conclusão da atacante Jaqueline. O segundo gol veio ainda na etapa inicial. Em rápido contra-ataque, a bola chegou mais uma vez para Jaqueline que, inspirada, soltou uma bomba para o fundo das redes, marcando um golaço.

O Santos retornou melhor para o segundo tempo. Em alguns lances de bola parada com a artilheira Cristiane e com Amanda Gutierres, a equipe santista ameaçou o time do Morumbi. O placar do jogo, no entanto, não se alterou. Mantido o mesmo resultado do jogo de ida, a disputa foi para as penalidades máximas, o terror dos cardíacos.

O Santos largou na frente na disputa de pênaltis. Amanda Gutierres, Cristiane e Day Silva acertaram as três primeiras cobranças. Do lado tricolor, porém, as coisas começaram mal: Giovana e Thais perderam, a primeira parando na goleira santista Michele e a segunda chutando para fora. Com duas cobranças perdidas, o São Paulo ficou pressionado.  Mas as Sereias da Vila retribuíram o presente e  desperdiçaram duas cobranças cruciais, com Thayla e Larissa. Jaqueline, Dani Silva e Gláucia, pelo lado tricolor, acertaram suas batidas, forçando o início das cobranças alternadas.

A zagueira Nath Rodrigues abriu as alternadas e colocou o Santos na frente. Giovaninha empatou para o Tricolor. Depois, Fê Palermo voltou a deixar o Santos em vantagem. Foi então que Camilla bateu para fora do gol e decretou a conquista santista da Copa Paulista Feminina.

Esta foi a segunda edição da Copa Paulista Feminina. O torneio foi disputado por quatro equipes, divididas em dois grupos, que duelaram em jogos de ida e volta, para definir quem chegaria à final. Com melhor campanha na classificação geral no Paulista Feminino, o São Paulo passou pelo Taubaté para chegar à final. Do outro lado da chave, Santos e São José se enfrentaram em busca de vaga na decisão, e a equipe do litoral paulista ganhou a vaga.

Santos e São Paulo são duas das principais equipes do futebol feminino na atualidade e fizeram uma final digna da tradição e dimensão dos clubes. A evolução e o crescimento do futebol feminino são notáveis. As dificuldades e problemas que atravancam o desenvolvimento da modalidade no país são imensas, mas a luta e o talento das jogadoras brasileiras não deixa de colher frutos. Essa final foi uma demonstração disso.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas