Siga o DCO nas redes sociais

São Paulo
Serão no mínimo 111 mil mortos só em São Paulo, segundo Butantã
Segundo o instituto Butantã, pelo menos 111 mil pessoas perderão as vidas por conta do COVID-19 só no estado de São Paulo. Número poderá ser bem maior se nada for feito
Bolsodoria-1
São Paulo
Serão no mínimo 111 mil mortos só em São Paulo, segundo Butantã
Segundo o instituto Butantã, pelo menos 111 mil pessoas perderão as vidas por conta do COVID-19 só no estado de São Paulo. Número poderá ser bem maior se nada for feito
Bolsodoria
Bolsodoria-1
Bolsodoria

O instituto Butantã realizou um estudo no qual demonstra que somente no estado de São Paulo pelo menos 111 mil pessoas morrerão nos próximos 6 meses vítimas do COVID-19. Segundo o estudo, porém, o número poderá chegar até 277 mil.

A imprensa burguesa, no entanto, tratou do caso como algo positivo, demonstrando a falsa ideia de que o isolamento social de João Doria não permitirá que mais pessoas morram, o que é falso. As medidas de Dória são extremamente ineficazes para o combate da doença e levarão à morte de no mínimo 111 mil pessoas.

A burguesia não está preocupada com a vida dos trabalhadores e sim com seu lucro. A população deve se mobilizar em torno de conselhos populares de bairro para poder levar um programa real de combate à crise econômica e ao coronavírus. Só assim essa hecatombe será evitada.

Leia Também  Brasil: 1.086 mortos nas últimas 24 horas e 25.598 no total
 



Share via
Copy link