Avanço da ameaça imperialista
Senadores colombianos julgaram como erro, inadequada e inconstitucional a decisão do presidente Ivan Duque de permitir a chegada de tropas norte-americanas no país
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
senado-colombia-1
Senado colombiano. Imagem: reprodução. | Imagem: reprodução.

Um grupo de senadores colombianos se manifestou hoje (29) contrários à medida anunciada por Ivan Duque de um acordo que prevê, entre outras coisas, o desembarque de tropas dos Estados Unidos no país.

Os senadores alertam que a decisão é inconstitucional, pois fere a soberania do país e cabe ao senado decidir e realizar uma mudança na carta nacional. Além disso, alertam que a medida visa a atender aos interesses do governo Donald Trump de avançar com os ataques ao país vizinho, a Venezuela, o que pode “por fogo” na situação política do país. Além de afirmarem não ser o momento de se discutir avanço de questões militares, mas sim priorizar o combate à pandemia do coronavírus.

A Colômbia atingiu hoje 32.031 infectados, número que cresce mais de 1000 novos por dia, tendo havido 822 mortes.

Veja a declaração de alguns senadores, via redes sociais:

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas