Frente ampla
A imprensa golpista revela claramente os objetivos da frente ampla: colocar a esquerda a reboque da direita, isolando Lula
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
vera
Vera Magalhães, elemento da direita golpista na imprensa | Arquivo

“Vai ter frente Ampla sem petista na cabeça, sim!”, com essas palavras, a jornalista Vera Magalhães reagiu às análise do PCO de que a candidatura Guilherme Boulos (PSOL) está servindo aos interesses da burguesia para isolar o PT.

A colocação da jornalista, ao invés de desmentir as críticas do PCO, as confirma. Sendo um elemento importante da imprensa golpista, sendo responsável pelo blog político do Estadão, tendo passado pela ultra direitista Jovem Pan, Vera Magalhães é uma porta voz dos interesses dos golpista. Suas colocações são raivosamente anti petistas e caluniosas contra a esquerda. Quanto a isso, não deveria haver dúvidas.

A jornalista apenas confirmou, de maneira mais aberta, o que tem sido comum na imprensa golpista em geral. Veículos como a Folha de S. Paulo, O Globo, Estadão e Veja, adotaram como linha editorial a propaganda e em muitos casos o elogio do candidato do PSOL.

Par qualquer elemento de esquerda, que viu tudo o que essa imprensa golpista fez durante o processo de golpe e ainda faz no governo Bolsonaro, colocações como a de vera Magalhães deveriam soar como no mínimo estranhas. Isso se a esquerda não estivesse tão inebriada com as eleições e a possibilidade de cargos.

Para o PSOL e Guilherme Boulos tudo corre normalmente. Alguma qualidade especial do candidato psolista teria feito a imprensa golpista, tão raivosa contra a esquerda, se transformar em apoiadora de Boulos. Algo teria feito também essa mesmo imprensa adotar Boulos mas não gostar de Jilmar Tatto do PT.

Para a esquerda eleitoral não importam os fatos, muito menos as explicações para os fatos. A única coisa que importa é a demagogia eleitoral atrás do voto.

Por isso, a realidade é tão cruel quando exposta pelo PCO.

A candidatura de Boulos, gostem os esquerdista e Vera Magalhães ou não gostem, está sendo impulsionada como parte de uma manobra da direita para isolar o PT e arrastar a esquerda para apoiar um candidato de direita. Essa manobra, como deixou claro Vera Magalhães, não está sendo colocada apenas para as eleições municipais mas é uma preparação para as eleições presidenciais.

Boulos é um elemento esquerdista da frente ampla, essa mesma que Vera Magalhães afirma que “vai ter, sim”. Ele, portanto, é uma peça para forçar a esquerda a entrar nessa manobra que só pode dar certo se o PT – lê-se, Lula – não estiver na cabeça.

O PT fornece seu eleitorado, a direita ganha as eleições, camuflada com o verniz cor de rosa de esquerdistas como Boulos, Marcelo Freixo, o PCdoB e setores do próprio PT.

Assim, a direita golpista pretente vencer Bolsonaro nas eleições, se livrando de Lula e preparando ataques cada vez maus duros contra o povo. Tudo isso enquanto apoia esses mesmos ataques feitos pelo governo Bolsonaro.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas
Sobre o Autor
Publicidade
Últimas
Publicidade
Mais lidas hoje