Neymar, o melhor do mundo!
Fifa escancara perseguição à Neymar, o deixa de fora da escolha dos melhores do mundo no ano em que praticamente levou o PSG nas costas para a final da Liga dos Campeões.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Ney 1 (1)
A arte brasileira é perseguida mais uma vez, Neymar excluído | Foto: Reprodução

Agora a perseguição à Neymar ficou descarada, um dos melhores, senão o melhor jogador da Liga dos Campeões da temporada 2019/2020, levando sua equipe o PSG pela primeira vez na história à final da liga dos Campeões contra o Bayern de Munique, campeão francês da temporada, classificado até mesmo pela imprensa burguesa como candidato a melhor do mundo, Neymar simplesmente foi excluído da escolha.

Uma enorme aberração e crime que fica confirmada nesta politicagem da Fifa contra Neymar que esta excluído da seleção de melhores jogadores do ano do prêmio da Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS).

O camisa 10 do PSG teve uma excelente temporada, mas o crime não parou por aí, a federação colocou nomes que nesta temporada não tiveram uma temporada tão boa como a do brasileiro, na opinião de muitos, mas mesmo assim promoveram mais uma vez Cristiano Ronaldo, hoje na Juventus da Itália e Messi no Barcelona, duas potências capitalistas do futebol europeu.

Esse, pasmen, é o terceiro ano consecutivo que Neymar está fora do ranking dos melhores do mundo, destacando-se 2018 como o ano da copa mundial cuja vitória da França foi capitalizada pela perseguição ao principal jogador brasileiro e favorito ao prêmio.

Após a campanha do “cai-cai”, pela marcação violenta dos contra Neymar, o jogador foi acusado de irresponsável e, até, de estuprador. Punido até mesmo por driblar seus adversários, como ocorreu no famoso lance do chapéu ao adversário se utilizando de uma lambreta( movimento em que o atleta joga a bola por cima do adversário impulsionando-a com o calcanhar e por trás de seu próprio corpo). Toda essa campanha contra o jogador e, por fim, contra o futebol brasileiro, é utilizada para justificar a desvalorização do principal expoente no esporte, deixando o Brasil de fora dos rankings mundiais.

Além de se tratar de uma campanha contra o país, que possui o esporte como um dos seus símbolos. Dessa forma, há o boicote não só ao peso da presença do Brasil, um pais atrasado, no esporte em âmbito internacional, como também é induzida a desvalorização dos jogadores brasileiros que passam a receber menores investimentos de seus financiadores.

Ao contrário do que parte da imprensa nacional faz, apoiada muitas vezes pela esquerda pequeno burguesa, não podemos repetir cegamente o que os europeus dizem sobre o futebol. Assim como o Oscar não premia necessariamente os melhores filmes produzidos pela humanidade, mas seus queridinhos hollywoodianos, a FIFA atende a interesses econômicos. Como brasileiros, temos o dever de defender a superioridade do nosso futebol. Temos o dever de não nos contentarmos em sermos roubados, mesmo no futebol. Não precisamos da chancela do imperialismo europeu para isso, NEYMAR está comprovado você é o melhor do mundo.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas