Destruição da indústria
A pesquisa encomendada pelos sindicatos dos ladrões demonstrou que os empresários estão cientes da crise que se avizinha
CidadeIndustrial
Foto: Reprodução | Autor desconhecido

Segundo a CNI(Confederação Nacional da Indústria) 22% das empresas do setor industrial fecharam suas fábricas no mês de junho do corrente ano, quase um quarto do parque instalado.

A pesquisa encomendada pelos sindicatos dos ladrões demonstrou que os empresários estão cientes da crise que se avizinha. A solução dada pelos capitalistas é descontar nas costas do trabalhador a incompetência do sistema que eles mantêm.

Cortes de salários com redução da carga horária de trabalho ou suspensão dos contratos de trabalho, são a solução tirada da cartola pelo governo, que na realidade é um preposto deles mesmos, para solucionar, pelo menos momentaneamente, a crise desencadeada pela pandemia.

Tirar do próprio bolso, vender ativos, entregar as empresas para os empregados, ou se desfazer do patrimônio de seus sócios, isso sequer passa pela cabeças dos industriais brasileiros, que não são diferentes, nesse e em outros aspectos, aos seus homônimos do resto do mundo.

Em todo lugar a solução é a mesma: Que paguem os trabalhadores!

Mas as soluções acima tem prazo de validade, a burguesia em desespero usa esses tapas-buracos como última alternativa antes da quebradeira geral.

A desintegração do sistema capitalista, que já vinha há décadas, agora tomou proporções incontornáveis e velozes. É o fim da linha para a burguesia.

Ao tentar evitar a quebra da indústria sem realmente oferecer uma solução que atenda os interesses da classe trabalhadora os empresários apenas estão retardando o cronômetro da bomba social que irá explodir. A solução correta é a expropriação da burguesia.

 

Relacionadas
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments