Falência da privatização
Capitalistas em crise não conseguem lucrar com o que roubaram e devolvem mais um aeroporto privatizado ao governo federal
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Natal_Airport_20150929-DSC_0013
Aeroporto de Natal:divulgação, |

O grupo argentino InfraAmerica anunciou que o Aeroporto Internacional Governador de Natal, que fica localizado em São Gonçalo do Amarante, região metropolitana de Natal, no Rio Grande do Norte, será devolvido ao governo federal de maneira amigável. O anúncio foi feito via comunicado a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

Este aeroporto foi o primeiro do país a ser privatizado através do plano nacional de desestatização no governo Dilma, em 2011. O consórcio InfraAmerica pagou míseros 170 milhões por  28 anos de concessão, prazo estabelecido em contrato e começou a administrar o llocal a partIr de 2014 após inauguração.

Com a crise na economia nacional que se reflete através do dado alarmante de que 2 milhões a menos de pessoas circulavam em 2019,  número muito abaixo das expectativas, o consórcio argentino que também administra o Aeroporto de Brasília, decide por romper o contrato por 19 anos antes do prazos e culpam à ‘’prolongada crise econômica que impactou o turismo“.

Semelhante ao que fez o consórcio Aeroportos Brasil Viracopos (ABV), responsável pelo Aeroporto Internacional de Viracopos em Campinas (SP), a Inframerica quer se beneficiar do Decreto 9.957/19, assinado pelo Presidente golpista Bolsonaro, que permite a devolução “amigável” de concessões. Ambos colocam a culpa na crise econômica de 2014 a 2016 e na lenta recuperação da economia pós-crise pela diminuição no número de passageiros nos terminais.

Durante estes anos de 2014 a 2018, a Inframerica faturou cerca de 410,29 milhões. 

Episódios como esse mostram a debilidade da política de privatização dos golpistas. Não conseguem lidar com crises, sugam o máximo que podem dos recursos nacionais e depois devolvem.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas