Chico Leite e Fran Lima
Em Rio Branco , o trabalho do partido é recente estando à frente da organização do Comitê Lutas o qual realiza atos semanais pelo Fora Bolsonaro no local conhecido por “Senadinho”.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
WhatsApp Image 2020-10-10 at 16.10.08
Chico Leite , candidato pelo PCO com o jornal do Partido. | Foto: Reprodução

O PCO estará presente nas eleições municipais em 20 capitais em 2020. A sua participação tem como princípio a utilização do pequeno espaço para a intensificação da campanha pelo Fora Bolsonaro e pela restituição dos direitos políticos do ex-presidente Lula. A campanha eleitoral também servirá para divulgar o programa do partido e chamar o povo à luta contra o massacre que vem sofrendo diante a crise capitalista onde a burguesia representada no governo Bolsonaro e pelos governadores estaduais busca esfolar a classe trabalhadora para garantir sua própria sobrevivência diante da crise econômica.

O PCO, obteve um crescimento significativo no último período como resultado do trabalho de sua militância e sua postura diante do golpe de estado, e como consequência terá candidatos também na região norte do país.

Em Rio Branco, capital do Estado do Acre, o trabalho do partido é recente estando à frente da organização do Comitê de Luta, o qual realiza atos pelo Fora Bolsonaro no local conhecido por “Senadinho” na capital . A chapa do partido na cidade é um dos frutos deste trabalho e é  representada pelos companheiros Chico Leite e Fran Lima.

Chico Leite é militante do PCO desde 2018. Conheceu o partido em 2016 através da imprensa partidária passando a acompanhar as programações da COTV e por fim filiando-se ao partido por identificar-se com a plataforma de lutas. O candidato participou do movimento estudantil a partir de 1977 quando era estudante secundarista. Foi preso juntamente com centenas de estudantes quando da famosa invasão da PUC durante um ato pelo fim da ditadura militar. Em 1978 e 1979 participou dos movimentos pela reconstrução da UEE e da UNE. Atuou no movimento sindical dos bancários na grande greve nacional de 1985. Formado em Comunicação Social / Rádio e TV, trabalhou  na área de cultura no estado de São Paulo e atualmente é aposentado e membro do Comitê de Lutas de Rio Branco.

Convocado à tarefa estar a frente da candidatura do PCO, Chico Leite é mais um das dezenas de militantes e filiados que participarão das eleições mais antidemocráticas da história do país levando o programa do Partido ao conhecimento popular e denunciando o golpe de estado vigente.

Fran Lima, seu vice, é militante político desde a juventude. Participou dos empates de seringueiros junto com Chico Mendes no estado do Acre. Aposentado participa do comitê de lutas de Rio Branco e conheceu o PCO através da militância do partido no comitê, filiando-se também ao partido tendo em vista o programa do partido e de suas lutas difundidas através do jornal Causa Operária.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas