Consulta pública na pandemia
A Consulta à população Russa mostrou que 78% dos eleitores aprovam as propostas de alteração à constituição apresentadas por Putin.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
5efcb5f5e9ff7101d82502ff
Centro de informações do Comitê Central Eleitoral da Rússia em Moscou | Foto: Mikhail Voskresenski

O presidente russo Vladimir Putin  propôs as emendas Constitucionais  ao Parlamento Russo em Janeiro , e apesar da pandemia a consulta ao povo foi realizada , durando uma semana a votação.

Segundo a Comissão Eleitoral Central da Rússia, a participação foi de 64,99%, e após 99% de apuração, o resultado é de que a maioria dos russos aprovam as alterações propostas. São 206 modificações relacionadas à soberania, garantias sociais, estado de direito e legislação para funcionários públicos. Segundo a apuração, 78,03% dos eleitores apoiaram as emendas à constituição .

Entre as emendas está a possibilidade da permanência de Putin no governo até 2036 se reeleito em 2024.

 

 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas