Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
6HC7FAZ3IVHM3EFF5BABM7QU6A
|

Da redação – Os Estados Unidos estão enviando suas forças especiais para Porto Rico e militares para a Colômbia, com o objetivo de utilizá-los em uma intervenção na Venezuela, denunciou hoje (26) o secretário do Conselho de Segurança da Rússia, Nikolai Patrushev.

Esse deslocamento de forças militares “mostra claramente que o Pentágono aumenta a agrupação de suas tropas na região com a finalidade de utilizá-las em uma operação de derrubada do presidente legitimamente eleito, [Nicolás] Maduro”, disse, em entrevista ao jornal russo Argumenty i Fakty.

Patrushev também denunciou que, “mostrando sarcasmo e arrogância com o povo venezuelano, os EUA preparam uma intervenção militar em um país independente”.

No último sábado (23), fracassou a invasão dos capachos do imperialismo, Brasil e Colômbia, através da falsa “ajuda humanitária”. No entanto, o governo Maduro e o povo venezuelano devem manter a vigilância nas fronteiras, preparar as forças armadas e as milícias populares e pedir apoio de seus aliados, como a própria Rússia, para se defender de uma possível intervenção imperialista.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas