Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Presidente da República, Jair Bolsonaro, durante transmissão de cargo para o Vice-Presidente, General Hamilton Mourão.
|

Da redação – Rui Costa Pimenta participa agora da Análise Política, na TV247, com retransmissão na Causa operária TV no YouTube. O programa vai ao ar toda terça-feira, às 16h. Agora Rui está comparando as situações políticas dos golpe de 1964 e 2016.

“O desenvolvimento lógico do golpe de 2016” é seguir a mesma política de 1964, em que o regime foi sendo fechado gradualmente à medida em que a direita não conseguia controlar a situação política. “Se não houver uma reação da população, o golpe vai se aprofundar”.

Uma diferença hoje é que houve uma reação ao golpe de 2016: “a resistência ao golpe de 2016 criou uma polarização no país que está difícil de diminuir”. Por exemplo, “a eleição visava dar um caráter institucional ao golpe e dar uma estabilização ao regime político, mas isso não aconteceu. Apesar da omissão da oposição parlamentar, a legitimidade do governo está sendo questionada pelo próprio povo”.

As tentativas de uma oposição institucional e parlamentar só podem levar a um fortalecimento do regime golpista. “O que a gente precisa é de uma mobilização popular para frear de vez o golpe e derrotar o golpe”.

Assista ao vivo na COTV:

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas