Rui Costa Pimenta, ao vivo: “não é só Bolsonaro, o Brasil está ameaçado de um golpe militar”

tanques

Da redação – Rui Costa Pimenta, presidente do PCO, participa agora, ao vivo, da Análise Política, programa da TV 247 que vai ao ar todas as terças-feiras, às 16h. O programa é retransmitido pela Causa Operária TV no YouTube. O tema central de hoje é o poder militar sobre o regime desde o golpe de Estado que derrubou Dilma Rousseff. O poder dos militares ampliou-se sem parar desde então.

Diante das eleições, Rui Costa Pimenta lembrou que Bolsonaro é uma ameaça menor diante do avanço generalizado dos militares: “Os brasileiros estão correndo risco de um golpe militar. A imprensa mostrou que em duas ocasiões os militares discutiram uma intervenção militar. Durante a greve dos caminhoneiros e depois da facada em Bolsonaro. O Brasil não está ameaçado por Bolsonaro simplesmente. É um quadro mais amplo, o Brasil está ameaçado pelas Forças Armadas. É uma ameaça muito concreta”.

A situação, porém, não está definida. A direita não tem todo o apoio popular que está apresentando na fraude eleitoral. Para começar, a presença de Lula nas eleições teria sido um difícil obstáculo para essa farsa. É possível resistir. E a população poderá resistir se mobilizar uma força equivalente à da direita golpista, a força das massas na rua, obrigando a direita a retroceder. No momento, contudo, o Brasil está em uma situação de semi-ditadura, em que os petistas não estão tendo permissão sequer de fazer campanha eleitoral.