Rui Costa Pimenta: “a ilusão eleitoral é uma arma poderosa”

o-boullos-e-uma-escolha-de-uma-articulacao-direitista-no-psol-rui-costa-pimenta-na-analise-politica-da-semana

Destacamos um trecho da última Análise Política da Semana do dia 15/09 em que o companheiro Rui Costa Pimenta, presidente nacional do PCO aborda as ilusões eleitorais da esquerda, em especial do PT, no atual contexto politico de aprofundamento do golpe de estado. Leia:

Nós precisamos definir mais claramente, companheiros, embora já tenhamos definido nossa posição. Para nós, a eleição, desde o começo, já é uma eleição fraudada. Nós defendemos a participação do Lula como uma ferramenta para combater a fraude. A participação do Lula pela mobilização popular e uma luta contra a fraude que já estava colocada. Agora sem o Lula, ela e uma fraude total. Logicamente que a ilusão eleitoral, embora, sendo breve, ela é uma arma poderosa. Ela e uma arma poderosa por dois motivos. Primeiro, porque a eleição sempre parece ser o caminho mais importante da política. E além disso, a eleição é econômica. Por que você vai sair à rua duas mil vezes, imprimir cartaz, distribuir panfletos, levantar bandeira, organizar atos, arrumar carro de som, levar gente para Brasília, se basta você organizar uma campanha eleitoral? Não tem briga, com a policia; supostamente, você vai na TV, grava um vídeo, toca uma musica com um pouco de emoção, cria um slogan criativo: “Vamos fazer o Brasil feliz de novo”; e tudo alegria, uma moça bonita fala alguma coisa, colocam um jovem negro, que não é da periferia, para dizer algumas frases de efeito, põem uns artistas das intragáveis novelas da Globo para fazer um coro, e tudo lindo. Para que apanhar da policia, pra que ir na periferia, enfrentar bolsominions, pra que ir na favela se podemos fazer tudo na cidade jardim? Isso tem um apelo muito grande pra muita gente, e muita gente acha: bom é do PT eu vou votar de qualquer jeito. O que nós temos a dizer para o pessoal é que, o PCO não vai votar no Haddad, e nossa campanha vai se centrar na questão de que a eleição sem a participação do Lula e fraude. O objetivo de realizar essa campanha é levar adiante a luta contra o golpe de estado.

Ouça também o trecho na Radio Causa Operaria: