Por um partido operário
O partido norte-americano DSA lançou uma nota chamando diversas organizações para organizarem um partido operário e de massas
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
revolucao-russa-instituicao-do-socialismo-na-uniao-sovietica
A organizaçao de um partido revolucionário é fundamental para intervir no coração do imperialismo | Foto: Ilustração feita sobre a Revolução Russa/Reprodução

O partido político DSA lançou uma nota (6/11) intitulada “Romper com os democratas!”, no seu jornal Revolution Socialist onde eles lançam uma política consistente para a crise. Segundo o partido: “A principal tarefa que os trabalhadores e socialistas enfrentam hoje é como construir um partido da classe trabalhadora.”. A resolução tirado do partido DSA tem como mérito uma convocação a todos os grupos isolados que se reivindicam comunistas e revolucionários justamente para agrupar todos esses setores em um único partido revolucionário e de massas.

Há vários trechos do programa do DSA que chama atenção pelo conteúdo político, principalmente nas consideraçoes iniciais. A título de exemplo, esse sobre Biden.

“CONSIDERANDO que, mais particularmente, Joe Biden sempre foi um oponente da classe trabalhadora. Ele apoiou a segregação racial nas décadas de 1960 e 70, foi o arquiteto da Lei do Crime de 1994 e foi cúmplice das deportações em massa do governo Obama na fronteira sudoeste e ataques de drones no exterior. Podemos antecipar mais do mesmo na plataforma de campanha Biden / Harris:

E também: “CONSIDERANDO QUE, ambos os principais candidatos para a eleição presidencial de 2020 – Donald Trump e Joe Biden, que são ambos representantes da classe dominante capitalista – serão compelidos a impor austeridade e repressão à classe trabalhadora durante esta crise. Nem os democratas nem os republicanos oferecem o chamado “mal menor” para os trabalhadores americanos ou internacionais”.

Portanto, eles concluem com dezenas de resoluções. Principalmente, em uma incisiva posição de que candidatos imperialistas não serão apoiados e que o mais importante é mobilizar os trabalhadores e construir um partido dos trabalhadores. O que é um sinal muito positivo, embora podemos considerar o programa incompleto, para romper com a política imperialista.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas