Menu da Rede

PM promove massacre de ciganos na Bahia

Campanha reacionária

RJ: Ministério Público persegue até as bandeiras das organizadas

As torcidas organizadas são agrupamentos populares com enorme capacidade de articulação coletiva, por isso a burguesia persegue incansavelmente esses setores.

Imagem do último Fla-Flu no Maracanã. As torcidas não entram, mas pelo menos podiam pendurar suas faixas e bandeiras. – Foto: Mailson Santana/Fluminense FC/Fotos Públicas.

Não bastasse a perseguição “tradicional” que as torcidas organizadas sofrem rotineiramente, seja pela imprensa burguesa ou pelos seus órgãos de repressão, agora até suas faixas e bandeiras dispostas no Maracanã viraram alvo.

Segundo o repórter da Globo, Renan Moura, duas torcidas organizadas do Flamengo foram obrigadas a retirar suas faixas e bandeiras no último jogo do clube no estádio do Maracanã. Segundo o Ministério Público do Rio de Janeiro, a Raça Rubro-Negra e a Jovem Fla estariam suspensas e não poderiam afixar materiais que fizessem referência a elas no estádio.

Essa é mais uma demonstração da campanha de perseguição às torcidas organizadas no Brasil, cujo objetivo é a extinção dessas organizações populares. Justamente por sua capacidade organizativa, que é um fator chave na luta política, as torcidas organizadas exercem enorme influência sobre setores mais passivos ligados ao futebol.

Não por acaso, no ano passado essas torcidas tiveram papel político destacado para romper a imobilidade da esquerda no combate à extrema-direita que ameaçava ocupar as ruas. Mesmo que não sejam necessariamente esclarecidos politicamente, esses agrupamentos reúnem um amplo setor proletário, exposto diretamente às mazelas do capitalismo. Por estarem organizados, o sentimento de revolta que é comum à população pobre ganha um direcionamento coletivo. Neste mesmo episódio, é interessante ressaltar que ocorreram manifestações de torcidas organizadas em vários lugares do país.

O mito de que esses setores são compostos por elementos violentos e despolitizados é propagado pela imprensa burguesa e abraçado pela esquerda pequeno-burguesa. Da parte da burguesia, é natural, trata-se de um ataque preventivo contra qualquer organização de massas, pois escapam ao seu controle e tendem a adquirir posições antagônicas a ela por seu caráter de classe, especialmente nos momentos de crise.

O consentimento da esquerda pequeno-burguesa, por outro lado, é parte da sua confusão política, que a mantém refém das posições reacionárias da burguesia. O papel da esquerda diante dessa disputa é apoiar as torcidas organizadas e fazer propaganda junto a elas, para estimular sua maior clareza política. O caráter classista das torcidas e seu potencial de intervenção na situação política precisam sempre ser levados em consideração pela esquerda.

Abaixo a perseguição contra as torcidas organizadas! Abaixo a perseguição contra todas as organizações populares! Pelo direito à livre organização e manifestação do povo!

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores
O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Cultura

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.