Aqui não se fala mal do futebol brasileiro

Técnico sergipano denuncia esquema de combinação de resultados na Copinha 2018

Redação do DCO

Ricardo Pereira, técnico da equipe sergipana do Estanciano, vem afirmando que recebeu proposta para que o time que dirige facilitasse o resultado contra o time do interior paulista, a Itapirense, da cidade de Itapira. Pereira afirma ter sido procurado por representantes do adversário de sua equipe na rodada de estréia do torneio. Ainda de acordo com o agora ex-técnico, “a oferta foi feita por duas pessoas que foram apresentadas inicialmente como empresários de atletas, mas que em seguida confirmaram que trabalhavam para um site de apostas do exterior. Ainda segundo o treinador, o esquema contou com a anuência de Sidnei Araújo, presidente do Estanciano” (Terra online, 10/01).

“O presidente falou que ninguém era menino, que eles tinham uma situação para ganhar dinheiro e que todo mundo fazia isso. Foi aí que um dos rapazes me explicou a situação, que eu ganharia R$ 7 mil” (Idem, 10/01), afirmou Ricardo Pereira.

Artigos Relacionados

Nenhuma surpresa. Os capitalistas que tomaram de assalto o controle do esporte mais popular do mundo não vê fronteiras para assediar e ir adiante nos seus podres negócios. A exemplo do que já ocorre no futebol profissional mundo afora, também nas divisões inferiores, onde são revelados os grandes craques que vão alimentar os milionários clubes, os interesses capitalistas estão presentes, desfigurando e prostituindo a genuína e autêntica arte do futebol.

Flamengo se antecipa e acerta com Carpegiani para ser o novo treinador

A procura de um substituto para o colombiano Reinaldo Rueda – que deixou o rubro-negro para treinar a seleção chilena – a diretoria do Flamengo agiu rápido e trouxe novamente para a Gávea, o ex-jogador e também ex-técnico Paulo César Carpegiani. É a terceira passagem de Carpegiani pelo time carioca. O ex-meio campista de grande talento nos gramados dirigiu o rubro-negro  no primeiro título conquistado pelo clube como campeão da Taça Libertadores em 1981. Naquele mesmo ano o Flamengo viria a conquistar também  – sob a direção de Carpegiani – o seu primeiro e mais importante título: o de campeão mundial de clubes. Carpegiani viria a ser também o treinador no ano seguinte, quando o Flamengo sagrou-se  campeão brasileiro, em 1982.

O novo técnico que chega à Gávea estava no comando do Bahia, onde realizou muito boa campanha, deixando o time baiano em confortável posição no Brasileirão 2017. Inicialmente, Carpegiani foi sondado para compor o departamento técnico de futebol do clube, mas acabou aceitando o convite para ser o novo treinador, diante dos apelos da diretoria e também de uma parte da torcida rubro-negra.

Dezesseis jogos marcam abertura da segunda fase da Copinha 2018

A segunda etapa da Copa São Paulo de Futebol Junior será aberta nesta quinta-feira, com a realização de 16 (dezesseis) jogos. Serão os confrontos no sistema de mata-mata; portanto, quem for derrotado está eliminado da competição. As outras dezesseis partidas estão marcadas para acontecer na sexta-feira.

Alguns jogos merecem ser observados em função das campanhas realizadas pelas equipes na primeira fase: São Paulo x Chapecoense; Ponte Preta x Botafogo-SP e Corinthians x Sport Recife;  Joinvile x Atlético-MG, e Botafogo x Desportivo Brasil.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.