Russos libertam Mariupol: Za pobedy! Rumo à vitória!

A política do golpe

DCM tenta fazer contra o PCO o que a Lava Jato fez contra o PT

Essas são atitudes de um verdadeiro órgão de imprensa golpista e não que supostamente defende os trabalhadores

É preciso denunciar esta operação lava-jatista – Reprodução

O Diário do Centro do Mundo (DCM), um dos órgãos de imprensa ligados à esquerda pequeno-burguesa, vem dedicando grande parte de seu repertório de matérias, como também de tempo de entrevistas e debates em seu canal no Youtube, para atacar e caluniar o Partido da Causa Operária.

O método do golpe

O método seguido pelo DCM, como exposto em nota oficial feita pelo PCO nesta última sexta-feira, é o mesmo seguido pela Rede Globo e pela imprensa burguesa quando iniciou-se a operação de perseguição a Lula e ao Partido dos Trabalhadores. Impulsionando a Lava Jato, que viria a prender Lula e a perseguir toda a esquerda, a imprensa burguesa inventou uma série de calúnias contra Lula e o PT, sem dar qualquer direito de reposta e servindo como base de uma campanha nacional de perseguição à esquerda e em defesa do golpe de estado.

Artigos Relacionados

PCO publica nota sobre as “denúncias” do DCM

Utilizando as mesmas táticas sujas, o DCM agora propaga calúnias baixas e sem qualquer comprovação contra o PCO, inclusive pedindo para a polícia e o Ministério Público “investigarem” o partido. A receita é a mesma da imprensa golpista: são supostos casos de corrupção, desvio de dinheiro público, campanha intensa na imprensa escrita e televisiva, tratando um partido da esquerda e seus militantes como uma organização criminosa, em uma campanha extremamente agressiva sem qualquer direito de resposta, e incentivando a polícia fascista a atacar o PCO.

Como se não bastassem as reportagens pretensamente “investigativas”, lotadas de informações falsas e suposições caluniosas, o DCM se lançou em um verdadeiro tratamento inquisitorial contra o PCO, indo além das acusações absurdas e sem provas, convocando inclusive “delatores” para justificar a perseguição política. O método, como pode ser visto novamente, é o mesmo utilizado na Operação Lava Jato, onde a delação, independentemente de qualquer prova, torna-se a base justificativa da perseguição política.

DCM, Boulos e a Lava Jato: um antigo caso de amor

A pergunta central de toda esta campanha deve ser a mesma para todos os leitores: quais motivos levam o DCM, um órgão supostamente da imprensa de esquerda, a executar uma verdadeira perseguição criminosa a uma organização dos trabalhadores? A nota oficial do PCO responde com clareza.

O que está em jogo não é uma mera rixa pessoal, um antagonismo entre PCO e DCM sem qualquer base na luta política, mas sim uma defesa desesperada do PSOL e sobretudo, de Guilherme Boulos, por parte do DCM. Como muito já divulgado, o PCO foi responsável por revelar no Diário Causa Operária que o candidato do PSOL ao governo do estado de São Paulo não é um mero “rouba votos” da candidatura de Fernando Haddad do PT, mas sim um político financiado por organizações diretamente ligadas ao golpe de estado brasileiro e ao imperialismo norte-americano.

O empresário (e seus sócios imperialistas) por trás de Boulos

Como comprovado pelo PCO, Guilherme Boulos é funcionário do IREE, instituição que emprega figuras ligadas ao golpismo no Brasil e que por sua vez é parceiro de um think tank golpista norte-americano financiado pelo NED, uma organização da CIA. Boulos, foi trazido pelo DCM para tentar ridicularizar essas acusações, as quais não teve como esconder, admitindo ser pago de fato pelo IREE. As acusações de tipo político do PCO, com o objetivo de denunciar a infiltração do imperialismo na esquerda brasileira, foram o motivo real para toda a histeria do DCM, que faz o trabalho sujo de Boulos e do PSOL, de tentar desmoralizar o único partido que já se posicionou oficialmente pela candidatura de Lula.

Por essa razão, inclusive, não é de se espantar os métodos utilizados pelo DCM. A pequena burguesia nada mais faz do que propagar a política da burguesia em menor escala. Com famoso moralismo histérico da classe média, falando sobre corrupção e organizações criminosas na esquerda, o DCM tenta fazer sua própria Lava Jato, seguindo a política que fez o PSOL apoiar a Lava Jato e a perseguição política contra o PT.

Na ausência de argumentos, na falta da tentativa de realizar um debate sério acerca das revelações feitas pelo Diário Causa Operária, o PSOL, Boulos e o DCM buscam atacar o partido em si, e tentar desmoralizá-lo em um momento quando o PCO se coloca à frente da luta contra o golpe e por Lula Presidente. Revelando, assim, o verdadeiro caráter político da campanha de Boulos contra o PCO e o PT.

À serviço do imperialismo contra o PCO, Lula e o PT

A campanha contra o PCO é uma campanha em menor escala daquela feita pelo golpe contra o PT. No entanto, o fato dela estar sendo feita por organizações que se dizem de esquerda revela a gravidade do problema. Hoje há na esquerda brasileira órgãos infiltrados como o DCM, que fazem o mesmo trabalho sujo que faz a imprensa burguesa. O problema em questão impõe inclusive a necessidade de expulsar tais elementos da esquerda. Como é possível um órgão que se diz de esquerda pedir a perseguição política de um partido e seus militantes para a polícia fascista e o regime golpista?

Essas são atitudes de um verdadeiro órgão de imprensa golpista e não que supostamente defende os trabalhadores.

É necessário denunciar o DCM e toda esta operação que, por fim, tem como foco atacar a própria candidatura de Lula. A operação também denota a profunda infiltração do imperialismo na esquerda nacional. A política seguida por Boulos e pelo DCM, é a mesma do IREE e de seus donos, com um forte ataque a todos aqueles que de fato lutam contra o golpe de estado e em defesa de Lula.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.