O modernismo em murais de Di Cavalcanti

Café da Manhã no DCM

Rui Costa Pimenta fala sobre as eleições de 2022 no DCM

Rui Costa Pimenta fala sobre o fracasso das manifestações do dia 12 de setembro

Rui Costa Pimenta apresenta mais uma analise politica no DCM – Imagem retirada da transmissão

Receba o DCO no Email

Nesta sexta-feira, 17 de setembro, Rui Costa Pimenta apresentou mais um Café da Manhã no DCM, apresentado por Leandro Fortes. O presidente do Partido da Causa Operária fez uma análise sobre a situação política do país. Rui Costa Pimenta também falou sobre a situação do Biden nos EUA, e o que isso pode gerar no Brasil.

O assunto começou com a situação da direita após as manifestações do dia 12 de setembro, segundo Rui estes atos só serviram para mostrar a fraqueza destes setores políticos, que tinham como intenção colocar os manifestantes da esquerda na rua para que eles pudessem começar suas campanhas. Parte da esquerda ainda insiste na ideia de uma frente única englobando os setores de centro e de direita, entretanto, “a expressão frente única é uma ideia do marxismo, mas a ideia era de unificar o povo, os trabalhadores, não unificar o povo com a burguesia. Porque a burguesia é o real inimigo do povo, não adianta falar que Bolsonaro é inimigo de todo mundo porque a burguesia apoiou Bolsonaro”, completou Rui.

Estas manifestações tinham como objetivo emplacar a candidatura de uma terceira via, haja visto o logo “nem Lula nem Bolsonaro”. Atualmente o maior representante da terceira via é João Doria, que está privatizando a maior parte da cidade de São Paulo. Segundo Rui: “Ao mesmo tempo que ele faz demagogia para defender as mulheres e os LGBTs, ele está acabando com o povo de São Paulo. O próximo passo é privatizar a SABESP, a conta de luz já está difícil de pagar, agora imagina quanto será a super conta de luz com a privatização”.

Sobre os acontecimentos na Argentina, o presidente do PCO afirma que o caso é significativo para o Brasil, pois a maior parte da esquerda afirma que para ganhar a batalha política séria só confiar nas eleições com Lula. Entretanto, como vimos na Argentina, as coisas não são tão fáceis. “Isso reflete nas eleições do Brasil, mostra que a política moderada não vai para frente”, afirmou Rui.

Além da força que a terceira via vem ganhando e da moderação da esquerda, outro problema está entrando no âmbito das eleições. Grande parte da imprensa de esquerda vem sendo boicotada e o Facebook anunciou uma nova parceria com meios de comunicação na página que exclui várias páginas da esquerda, dificultando cada vez mais a disseminação de informação dentro da esquerda. “Quem tem peso nas redes sociais é a candidatura de esquerda, Lula, e a candidatura de Bolsonaro. Doria vai ter apoio da rede Globo. Isso significaria para todos nós que temos uma imprensa progressista, uma paulada na cabeça”, completou Rui.

A péssima situação de Biden nos EUA também pode vir a gerar efeitos nas eleições no Brasil. Segundo Rui, quanto mais fraco o presidente norte americano menor a chance de acontecer algum tipo de interferência do imperialismo. ‘Não vai impedir a capacidade dos EUA de atuar, mas diminui a capacidade deles de controle. Vai diminuir também a capacidade militar, que é muito grande, e se eles não conseguem intimidar os outros países, como a Rússia e a China, e quando o andar de cima briga o andar de baixo faz a festa”, Completou Rui.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.