• Capa
  • Europa
  • Rússia encerra negociações de tratado de paz com o Japão

Rússia x Japão

Rússia encerra negociações de tratado de paz com o Japão

Anteriormente, o Japão introduziu vários pacotes de sanções contra a Rússia sobre a situação na Ucrânia

MOSCOW, RUSSIA - DECEMBER 3, 2020: A view of the building of Russia's Ministry of Foreign Affairs. Valery Sharifulin/TASSÐîññèÿ. Ìîñêâà. Âèä íà çäàíèå Ìèíèñòåðñòâà èíîñòðàííûõ äåë ÐÔ. Âàëåðèé Øàðèôóëèí/ÒÀÑÑ

Ministério das Relações Internacionais da Rússia – Reprodução

– TASS – Moscou está encerrando as negociações do tratado de paz com Tóquio à luz das recém-introduzidas restrições unilaterais do Japão contra a Rússia sobre a situação na Ucrânia, disse o Ministério das Relações Exteriores da Rússia nesta segunda-feira.

“À luz da natureza francamente hostil das restrições unilaterais do Japão contra a Rússia sobre a situação na Ucrânia, as seguintes medidas devem ser tomadas. Na situação atual, o lado russo não tem intenção de continuar as negociações do tratado de paz com o Japão, pois é impossível discutir a assinatura de um tratado fundamental nas relações bilaterais com um país que assume uma postura francamente hostil e tenta prejudicar os interesses do nosso país”, disse o Itamaraty.

Declarou que havia sido tomada a decisão de encerrar as viagens isentas de visto de cidadãos japoneses com base em acordos sobre trocas isentas de visto entre as Ilhas Curilas do Sul da Rússia e o Japão de 1991 e o acordo de 1999 sobre regras simples de viagem para os japoneses que desejam visitar os seus antigos locais de residência nas ilhas. A Rússia está desistindo do diálogo com o Japão sobre a atividade econômica conjunta nas Ilhas Curilas do Sul e bloqueia o prolongamento do status do Japão como parceiro de diálogo setorial da Organização de Cooperação Econômica do Mar Negro.

“Toda a responsabilidade por danos às relações bilaterais e aos interesses do próprio Japão recai sobre Tóquio, que conscientemente fez sua escolha em favor de uma política anti-russa em vez de desenvolver cooperação e vizinhança mutuamente benéficas”, disse o Ministério das Relações Exteriores.

As sanções do Japão contra a Rússia

O Japão apresentou anteriormente vários pacotes de sanções contra a Rússia sobre a situação na Ucrânia. Um total de 300 títulos de produtos foram proibidos de exportar para a Rússia, incluindo semicondutores, equipamentos para transporte e segurança da aviação, meios de comunicação, produtos militares, incluindo armas, software e equipamentos de refino de petróleo. Essas restrições se aplicam a 49 empresas e organizações na Rússia, incluindo Rosoboronexport, Rostech, o serviço de segurança federal FSB e o serviço de inteligência estrangeira SVR.

O Japão congelou os ativos de vários bancos: Otkrytie, Novikombank, Sovcombank, VTB, Rossiya Bank, Promsvyazbank e VEB.RF. Além disso, restrições pessoais foram impostas à liderança russa, incluindo o presidente Vladimir Putin e vários empresários russos.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.