• Capa
  • Europa
  • Parlamentar dos EUA ameaça Turquia por posição da OTAN

Chantagem

Parlamentar dos EUA ameaça Turquia por posição da OTAN

O acordo para comprar caças F-16 pode ser condicionado à aceitação de Ancara pela ampliação da OTAN, disse o senador Menendez

Turkey's President Recep Tayyip Erdogan addresses the 74th session of the United Nations General Assembly at U.N. headquarters in New York City, New York, U.S., September 24, 2019. REUTERS/Lucas Jackson - HP1EF9O18CM9N

Presidente da Turquia, Erdogan – Foto: Reprodução

─ RT , Tradução DCO ─

O pedido da Turquia para comprar 40 caças F-16 fabricados pela Lockheed Martin e kits de modernização para quase 80 aviões de guerra que já possui poderia ser bloqueado pelos EUA, a menos que Ancara receba a Finlândia e a Suécia na OTAN. Tal cenário foi sugerido pelo senador Robert Menendez, presidente do Comitê de Relações Exteriores do Senado, conforme citado pelo Washington Post na quarta-feira.

“Espero que o governo esteja percebendo isso ao considerar os F-16”, disse o jornal citando o legislador democrata. “Você deveria estar dizendo ao [presidente turco Recep Tayyip] Erdogan que você precisa agir de uma maneira diferente se quiser consideração por qualquer coisa.”

O senador dos EUA estava respondendo à obstrução da Turquia aos pedidos de adesão das duas nações nórdicas à OTAN nesta semana. A aprovação de todos os 30 membros é necessária antes que novos países possam ser admitidos. Ancara, no entanto, disse que não dará seu consentimento porque alega que a Suécia e a Finlândia abrigavam “terroristas”.

As objeções aparentemente se referiam a membros do Partido dos Trabalhadores do Curdistão, um grupo militante curdo que travou uma longa campanha de guerrilha contra o governo turco. Erdogan supostamente quer que até 30 pessoas sejam extraditadas pela Finlândia e pela Suécia antes de permitir que elas se juntem ao bloco militar liderado pelos EUA.

A Turquia fez um pedido de aviões de guerra americanos em outubro passado, mas o possível acordo tornou-se um tanto controverso para o governo dos EUA. O aliado da OTAN foi anteriormente expulso do programa F-35 em retaliação por sua compra em 2017 de sistemas antiaéreos fabricados na Rússia, que os EUA alegaram que poderiam ser usados ​​para revelar a Moscou os segredos do avançado caça furtivo fabricado nos EUA.

Em abril, a Reuters informou que o Departamento de Estado havia enviado uma carta ao Congresso argumentando que o acordo proposto serviria aos interesses americanos, mas não chegou a apoiá-lo explicitamente. No mês passado, o governo Biden pediu aos líderes do Congresso que aprovassem a venda da aeronave, informou o Wall Street Journal no início de maio, citando fontes.

A liderança turca indicou que percebeu seu pedido como uma forma de compensação por ter sido esnobado nos F-35, que considerou “injusto”.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.